sicnot

Perfil

Mundo

Cerca de 23 milhões de peruanos elegem hoje novo Presidente

Cerca de 23 milhões de peruanos vão hoje às urnas para escolher o novo Presidente: a candidata da direita populista Keiko Fujimori, filha de um ex-Presidente, ou o ex-banqueiro de Wall Street Pedro Pablo Kuczynski, de centro-direita.

Fotos dos candidatos presidenciais Keiko Fujimori e Pedro Pablo Kuczynski num ritual para prever quem sairá vencedor.

Fotos dos candidatos presidenciais Keiko Fujimori e Pedro Pablo Kuczynski num ritual para prever quem sairá vencedor.

© Mariana Bazo / Reuters

A dois dias das eleições, as sondagens davam-lhes um empate técnico, depois de Fujimori, de 41 anos, ter perdido, na reta final da renhida corrida, a margem superior a cinco pontos percentuais que até então detinha para o adversário, de 77 anos.

Ambos os candidatos prometeram combater o crime e criar emprego no país, uma das mais fortes economias da região.

Mas, após a sondagem realizada a uma semana do escrutínio que dava a Fujimori um avanço de 5,3 pontos percentuais, ela enfrentou um debate televisivo difícil com Kuczynski e uma manifestação maciça contra ela em Lima, a 31 de maio.

Um dia antes, a 30 de maio, a candidata que ocupou o terceiro lugar na primeira volta das eleições, a esquerdista Veronika Mendoza, anunciou o seu apoio a Kuczynski.

O diretor da consultora e empresa de sondagens CPI, Manuel Saavedra, estimou que, a dois dias do escrutínio, havia ainda cerca de 5% de eleitores indecisos, o que considerou suficiente para virar o resultado contra a conservadora populista Fujimori, que é popular nas comunidades rurais pobres mas tem também uma elevada taxa de desaprovação.

Muitos peruanos associam-na ao autoritarismo do pai, Alberto Fujimori, que se encontra a cumprir pena de prisão por corrupção e massacre de opositores por ele acusados de terrorismo.

Lusa

  • Lei existe há quatro anos mas não tem regulamentação
    2:03
  • Denúncia de maus tratos a cães no canil municipal de Elvas
    2:24

    País

    O Grupo de Intervenção e Resgate Animal denunciou nas redes sociais alegados maus tratos a animais no canil municipal de Elvas. As imagens mostram uma cadela com uma corda ao pescoço. A autarquia abriu um inquérito para averiguar o caso, suspendendo também o trabalho dos voluntários no canil.

  • Dois em cada três portugueses vivem vidas sedentárias

    País

    Com menos de hora e meia de exercício semanal, mais de dois terços dos portugueses vivem vidas sedentárias. E a maioria desvaloriza a importância da atividade física, segundo um inquérito divulgado esta quinta-feira pela Fundação Portuguesa de Cardiologia.

  • Ovibeja aposta este ano na internacionalização da agricultura
    2:07

    País

    A Ovibeja começou esta quinta-feira e este ano aposta na internacionalização dos produtos agrícolas do Alentejo. Centenas de expositores esgotam o certame, que é uma monstra da agricultura portuguesa. António Costa, na sexta-feira, e Marcelo Rebelo de Sousa, no sábado, são alguns dos políticos com a presença marcada em Beja.

  • Estados Unidos vão reforçar as sanções à Coreia do Norte
    1:31

    Mundo

    Washington pretende também investir nos esforços diplomáticos para que Pyongyang ponha fim aos programas nucleares e de mísseis. A nova estratégia de Donald Trump foi anunciada quarta-feira à noite. A força aérea norte-americana testou esta quarta-feira um míssil de longo-alcance que percorreu 6800 quilómetros sobre o Pacífico a partir de uma base na Califórnia.

  • Le Pen vai à pesca
    0:35

    Eleições França 2017

    Marine Le Pen, candida à presidência de França fez esta quinta-feira uma "pausa" na campanha eleitoral e aproveitou para ir à pesca. A candidata navegou num barco de pesca no Mediterrâneo.