sicnot

Perfil

Mundo

Dieta mediterrânea poderá prevenir reincidência do cancro de mama

Uma alimentação baseada na dieta mediterrânea, rica em fruta, vegetais, peixe e azeite, poderá ajudar a prevenir a reincidência do cancro de mama, segundo um estudo hoje apresentado e divulgado pelo The Guardian.

© Albert Gea / Reuters

O estilo de vida - se as pessoas são ou não fisicamente ativas - e o excesso de peso são fatores de risco conhecidos no cancro de mama, mas os investigadores também estão interessados em saber se os hábitos alimentares têm um papel importante na ocorrência ou recorrência da doença.

O estudo, apresentado pela Sociedade Americana de Oncologia Clínica (ASCO, na sigla inglesa) num encontro em Chicago, Estados Unidos, resulta de um ensaio em Itália, que comparou os resultados de 307 mulheres que tinham sido tratadas a um cancro da mama na sua fase inicial.

Um dos grupos - 199 mulheres - foi convidado a fazer uma dieta mediterrânea, que envolvia quatro porções de vegetais, três peças de fruta e uma porção de leguminosas por dia, juntamente com quatro ou mais porções de peixe por semana, alguma carne vermelha, incluindo a processada, e bastante azeite. Além disso, era permitido beber uma bebida alcoólica por dia.

O outro grupo - 108 mulheres - cumpriu uma dieta normal, mas com uma alimentação saudável aconselhada por um nutricionista.

Os investigadores do hospital Piacenza, em Itália, descobriram que 11 mulheres do grupo com uma alimentação normal tinham registado a reincidência do cancro da mama nos três anos seguintes, enquanto as 199 mulheres que cumpriram uma dieta mediterrânea não registaram qualquer recorrência da doença.

Os especialistas apontaram que este estudo ainda é pequeno e limitado, mas é um ponto de partida.

Lusa

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Recuo na saúde é primeira derrota de peso para Donald Trump
    1:18

    Mundo

    O Presidente norte-americano sofreu esta sexta-feira uma derrota de peso. O líder da Câmara dos Representantes retirou a proposta do plano de saúde de Trump, que se preparava para um chumbo na câmara baixa do Congresso. Para já, mantém-se o Obamacare.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.