sicnot

Perfil

Mundo

Cinco alunos presos por rabiscar foto do Presidente do Burundi

Um grupo de cinco alunos de uma escola secundária no Burundi foram presos por terem rabiscado uma foto do presidente, Pierre Nkurunziza, que constava num manual escolar, informaram hoje as autoridades.

Pierre Nkurunziza, presidente do Burundi

Pierre Nkurunziza, presidente do Burundi

© Evrard Ngendakumana / Reuters

Segundo o Procurador-Geral do Burundi, Valentin Bagorikunda, um total de 11 estudantes da escola de Muramvya, no centro do país, foram detidos na passada sexta-feira e cinco deles, sendo maiores de idade, ficaram presos a aguardar julgamento, suspeitos de um crime que oscila entre os cinco e os dez anos de prisão.

Os alunos estão acusados de insultarem o chefe de Estado do Burundi, país que atravessa uma grave crise política e humanitária desde o ano passado.

A crise no Burundi iniciou-se em abril de 2015, quando Nkurunziza anunciou que ia concorrer pela terceira vez às eleições, algo proibido pela Constituição e que viola os acordos de 2005.

Desde então, centenas de pessoas morreram e cerca de 250 mil viram-se obrigadas a abandonar as suas habitações de modo a fugir à violência.

Lusa

  • Rui Santos revela novos e-mails que envolvem o Benfica
    1:52

    Desporto

    No programa da SIC Notícias Tempo Extra, Rui Santos revelou esta terça-feira que um blogue associado ao Benfica partilhou informação privilegiada da APAF (Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol) com várias figuras do clube da Luz.

  • O último adeus às vítimas da tragédia de Vila Nova da Rainha
    1:37

    País

    As cerimónias fúnebres das oito vítimas mortais do incêndio na Associação de Vila Nova da Rainha realizaram-se esta terça-feira. Três delas ocorreram em simultâneo na povoação do concelho de Tondela que, no passado sábado, viu a tragédia bater-lhe à porta.

  • Fóssil humano mais antigo encontrado em Portugal entregue ao Museu de Arqueologia
    3:42

    País

    O mais antigo fóssil humano até hoje encontrado em Portugal, o "Crânio da Aroeira", foi entregue no Museu Nacional de Arqueologia, em Lisboa. Em 2014, o fóssil foi encontrado pela equipa do arqueólogo João Zilhão perto de Torres Novas e foi restaurado e estudado na Universidade Complutense de Madrid, durante dois anos e meio.

  • De "lambe rabos" a "labrego", a polémica entre Rodolfo Reis e Bruno de Carvalho
    1:30
  • O Futuro Hoje na maior feira eletrónica de consumo do mundo
    5:14