sicnot

Perfil

Mundo

Descoberta nova espécie de inseto em Bruxelas

Uma nova espécie de inseto foi descoberta num jardim botânico de Bruxelas, uma raridade na Europa, anunciou hoje o Instituto Real de Ciências Naturais da Bélgica.

© Kacper Pempel / Reuters

"Não é todos os dias que se descobre uma nova espécie na Bélgica!", disse num comunicado o entomologista do Instituto Real de Ciências Naturais da Bélgica (IRSNB), Patrick Grootaert.

Batizado de "Drapetis bruscellensis", o animal foi encontrado graças a uma armadilha de insetos instalada em 2015, no jardim botânico Jean Massart, perto da floresta de Soignes, na periferia da capital belga, segundo o comunicado.

Entre os insetos colhidos em etanol pelos cientistas - um inseto de dois milímetros no tórax, brilhante e negro - captou-lhes a atenção. Só ao estudarem cuidadosamente o ADN e a morfologia do inseto - como as partes genitais, as antenas e as pernas -- é que os cientistas se aperceberam da descoberta.

"É extremamente raro descobrir uma nova espécie na Bélgica. A última descoberta de uma nova espécie de inseto foi há mais de 20 anos", realçou M. Grootaert, explicando que "a fauna da Europa ocidental é a mais catalogada do mundo" e que é, portanto, "difícil fazer ainda mais descobertas".

"Drapetis brucellensis é uma espécie que vive sobretudo nos troncos das árvores e nas folhas, nas quais ela insetos ainda mais pequenos que ela, como os ácaros", pormenorizou o IRSNB.

Lusa

  • "Fiquei absolutamente perplexo com a escolha de Elina Fraga"
    0:43

    País

    Rogério Alves diz que ficou perplexo com a escolha de Elina Fraga para a vice-presidência do PSD. Em declarações à TSF e Diário de Notícias, o antigo bastonário da Ordem dos Advogados lembra as divergências com o governo de Passos Coelho, sobretudo em matérias de justiça.

  • Manifestação contra mina de urânio junta milhares em Salamanca
    1:39
  • Assalto a Tancos e roubo de armas da PSP podem estar relacionados
    1:24

    País

    O assalto a Tancos e o roubo de armas da PSP, três recuperadas na semana passada, podem estar relacionados. O semanário Expresso avançou este sábado que há suspeitos de terem participado nos dois assaltos e o grupo, ou parte dele, atua principalmente do Algarve, com possíveis ligações a outras organizações espalhadas pelo país ou até transacionais.

  • Cessar-fogo de 30 dias na Síria
    2:07