sicnot

Perfil

Mundo

Está para breve a captação da primeira imagem de um buraco negro

Ver pela primeira vez um buraco negro poderá ser possível, no próximo ano. É o que espera uma equipa de cientistas do MIT que está a criar um algoritmo e o equipamento necessário para conseguir captar a imagem, em 2017.

reuters

Os buracos negros são surpreendentemente pequenos, pelo que é necessário um telescópio gigante para observá-los. A equipa do MIT criou o projeto Event Horizon Telescope, uma rede de nove telescópios instalados em vários locais do mundo.

O projeto centra-se no Sagittarius A, o buraco negro que está no centro da Via Láctea. As preparações técnicas, bem como os cálculos matemáticos, estão prestes a terminar.

"Há ainda alguns desafios que têm de ser ultrapassados para conseguir captar a imagem de um buraco negro - algo de muito pequeno no céu. Mas o que esperamos é uma completa observação em 2017", explicou Feryal Ozel, líder da equipa, numa conferência de imprensa.

  • Uruguai apurado depois de vencer a Arábia Saudita (1-0)

    Mundial 2018 / Uruguai

    O Uruguai venceu a Arábia Saudita por 1-0 numa partida da 2ª jornada do grupo A do Mundial da Rússia. Luis Suárez inaugurou o marcador aos 23 minutos na sequência de um canto em que o guarda-redes saudita, que participa pela primeira vez em campeonatos do mundo, falhou a bola. Nos minutos seguintes a Arábia Saudita tentou responder com remates perigosos à baliza de Fernando Muslera, mas sem conseguir marcar. O saudita Taisir Al-Jassim também saiu lesionado deste jogo, depois de um choque com Guillermo Varela que o impediu de continuar a partida. O resultado vem resolver as contas do grupo A ao apurar a Rússia e o Uruguai para os oitavos de final.

  • A barba de Cristiano Ronaldo é para manter
    0:50