sicnot

Perfil

Mundo

Oito pescadores angolanos estiveram à deriva durante quase 20 dias

Um grupo de oito pescadores angolanos, que alegadamente praticavam pesca ilegal em águas nacionais, foi resgatado com vida depois de quase 20 dias à deriva no mar, anunciou hoje a polícia fiscal.

© Mike Hutchings / Reuters

Em declarações à imprensa, o capitão do navio, Tomás David, disse que a embarcação se fez ao mar no dia 19 de maio, tendo registado uma avaria que os deixou à deriva durante esse período.

Tomás David contou que, depois de duas semanas, ficaram sem alimentação e sem comunicação.

Segundo o subcomissário Júlio Vunge, da polícia fiscal, a localização dos pescadores, na zona de Ambriz, província do Bengo, foi possível através de informação fornecida por plataformas petrolíferas.

Já o chefe da capitania do porto, João Batista, disse que a embarcação e a tripulação não têm a documentação regularizada, pelo que serão aplicadas multas.

Lusa

  • Famílias das vítimas de Pedrógão criam associação para apurar responsabilidades
    2:13
  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.

  • 700 milhões para armamento e equipamento militar
    1:16

    País

    Portugal vai investir nos próximos anos 700 milhões de euros em armas e equipamento militar. Segundo a imprensa de hoje, o objetivo é colocar algumas áreas das Forças Armadas a um nível similar ao dos outros aliados da NATO. É o maior volume de programas de aquisição dos últimos anos e parte das verbas vão beneficiar a indústria portuguesa que fabrica aviões, navios-patrulha, rádios e sistemas de comando e controlo.

  • Princesa Diana morreu há 20 anos. Filhos falam pela 1ª vez da intimidade
    1:15