sicnot

Perfil

Mundo

Presidente turco ratifica lei que dita fim da imunidade parlamentar

O Presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, ratificou na terça¬-feira a controversa lei que permite levantar a imunidade de quase 150 deputados, sobretudo da ala pró-curda, informa a imprensa local.

Recep Tayyip Erdogan, Presidente da Turquia.

Recep Tayyip Erdogan, Presidente da Turquia.

© Umit Bektas / Reuters

O Parlamento turco aprovou, a 20 de maio, uma reforma constitucional que implica o levantamento da imunidade aos deputados que estejam sob investigação judicial.

A esquerda pró-curda considera a legislação um "golpe de Estado", já que afeta a grande maioria dos seus deputados.

Atualmente, 148 deputados de um total de 550 encontram-se expostos a processos judiciais, incluindo 50 dos 59 eleitos pelo Partido Democrático dos Povos (HDP, esquerda e pró-curdo), segundo o jornal Birgün.

O HDP é acusado pelo poder turco de ser o "braço político" do ilegalizado Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), considerado uma "organização terrorista" por Ancara, Washington e Bruxelas.

Lusa

  • Militar ferido com gravidade em acidente com Pandur
    1:19

    País

    O acidente em Vila Real que envolveu uma viatura militar fez três feridos. Uma das vítimas ficou em estado grave e teve de ser transportada de helicóptero para o Hospital Santo António do Porto. O militar ficou encarcerado no veículo blindado, o que dificultou os trabalhos de socorro.

  • Bebé nasce na Ucrânia com ADN de três pais

    Mundo

    Nasceu a 5 de janeiro, na Ucrânia, uma menina filha de um casal infértil graças à ajuda de uma nova técnica de fertilização in vitro, que conta com a colaboração de uma terceira pessoa. De acordo com o britânico The Times, os médicos utilizaram pela primeira vez um método denominado transferência pronuclear. Esta não é, contudo, a primeira vez que nasce um bebé com ADN de três progenitores.

  • CIA desvenda segredos de quase 50 anos de História

    Mundo

    A CIA publicou online quase 12 milhões de documentos confidenciais. Basta uma ligação à Internet para navegar por entre 50 anos de relatórios outrora secretos. Entre os milhões de páginas, estão documentos sobre um eventual assassínio de Fidel Castro, detalhes sobre os crimes de guerra nazis, relatórios sobre avistamentos de OVNI e um estudo sobre telepatia denominado "Projeto Star Gate".