sicnot

Perfil

Mundo

Lancôme reabre lojas em Hong Kong um dia depois de protestos

A empresa de cosméticos Lancôme reabriu hoje as suas lojas em Hong Kong, depois de ter fechado portas na véspera devido a protestos por a marca ter cancelado um concerto da cantora local crítica da China Denise Ho.

© Bobby Yip / Reuters

Segundo o jornal South China Morning Post, Denise Ho instou na sua página no Facebook toda a gente a erguer-se contra o que chamou de "terror branco que se tem vindo a espalhar" pela sociedade e a lutar pela liberdade de expressão.

A cantora Denise Ho pediu na terça-feira explicações à marca francesa por a Lancôme, que pertende ao grupo L'Orèal, lhe ter cancelado um concerto, alegadamente devido às suas convicções políticas.

Na quarta-feira, devido à marcação de protestos, as lojas e pontos de venda da marca Lancôme estiveram fechados em Hong Kong, assim os escritórios da L'Orèal na antiga colónia britânica.

Entretanto, foi também lançada uma petição na Internet para apelar ao boicote dos produtos da Lancôme.

O concerto promocional de Denise Ho, agendado para dia 19, foi cancelado após reações negativas nas redes sociais da China continental ao apoio da artista ao Tibete e a movimentos pró-democracia como o Occupy Central (de Hong Kong).

Em comunicado, a cantora considerou a situação "extremamente lamentável", indicando estar a ser castigada por defender os seus direitos e afirmar as suas convicções.

No domingo, a Lancôme disse que o evento foi cancelado devido a "possíveis motivos de segurança".

Lusa

  • O papel da religião no quotidiano
    24:57
  • Jane Goodall iniciou palestra com sons semelhantes aos dos chimpanzés
    2:18

    País

    A investigadora Jane Goodall esteve esta quinta-feira em Lisboa para participar numa conferência da National Geographic. A primatóloga começou o seu discurso com sons semelhantes aos dos chimpanzés. Numa entrevista à SIC, Goodall falou sobre os chimpanzés e sobre o trabalho que continua a desenvolver em todo o mundo, em prol do ambiente, dos animais e das pessoas. 

  • NATO vai aumentar luta contra o terrorismo

    Mundo

    O secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, disse que os aliados da NATO concordaram esta quinta-feira em aumentar a luta contra o terrorismo e em "investir mais e melhor" na Aliança.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • O humor de John Kerry nas críticas a Trump
    0:40

    Mundo

    John Kerry criticou as ligações de Donald Trump com a Rússia durante um discurso de abertura, na Universidade de Harvard. O ex-secretário de Estado norte-americano disse, em tom de brincadeira, que se os jovens querem vingar na política, devem primeiro aprender a falar russo.