sicnot

Perfil

Mundo

Cidadã luso-moçambicana em cativeiro há mais de uma semana

Uma cidadã luso-moçambicana encontra-se em cativeiro há mais de uma semana, depois de ter sido raptada no passado dia 2 em Maputo, disse à Lusa fonte próxima da família da vítima.

© Grant Neuenburg / Reuters

Segundo a fonte, os raptores exigem uma elevada soma de dinheiro que está fora das possibilidades financeiras da família.

"É uma situação de desespero, a família não tem capacidade para pagar a quantia exigida pelos raptores", afirmou a fonte.

As autoridades portuguesas estão a par da situação, uma vez que o consulado de Portugal em Maputo foi comunicado do rapto, acrescentou a fonte.

Desde 2012, as principais cidades moçambicanas, principalmente a capital do país, têm sido palco de uma onda de raptos, cujas vítimas são, na sua maioria, libertadas mediante pagamento de resgate, ante a impotência das autoridades policiais em estancar este tipo de crime.

Várias pessoas, incluindo polícias, já foram condenadas a pesadas penas de prisão por envolvimento em raptos em Moçambique.


Lusa

  • França vence o Peru e apura-se para os oitavos de final do Mundial

    Mundial 2018 / França

    A França venceu o Peru num encontro da 2.ª jornada do grupo C do Mundial 2018. Aos 34 minutos, Pogba passou para Giroud na esquerda, que tentou de pronto o remate, mas a bola saiu prensada por um defesa e chegou até à boca da baliza, onde apareceu Mbappé que praticamente só tem que encostar para pôr a França em vantagem no marcador. Ainda na primeira parte, Lucas Hernández tentou, por duas vezes consecutivas, marcar o segundo golo da França. Na segunda parte, o peruano Farfán ainda rematou várias vezes à baliza de Hugo Lloris, mas sem êxito.

  • Colisão mortal no IC1 perto da Marateca
    1:51
  • Portugal e Espanha empatados em tudo... menos nos amarelos
    1:42
  • Fase de grupos é o "momento mais crítico", diz Fernando Santos
    0:21