sicnot

Perfil

Mundo

Companhia aérea islâmica impedida de voar

Seis meses depois de começar a operar, a companhia aérea islâmica da Malásia, Rayani Air, foi impedida de voar por falta de segurança e por problemas administrativos.

ap

ap

ap

ap

O Departamento de Aviação Civil revogou a licença da companhia aérea. A medida segue-se a três meses de suspensão, depois da companhia ter falhado as regulamentações de voo e depois de ter sido conduzida uma auditoria de segurança.

A companhia aérea tem recebido um rol de reclamações sobre consecutivos cancelamento de voos. Em abril, enfrentou ainda greve de pilotos, por atrasos no pagamento de salários.

A companhia chegou a emitir bilhetes de embarque escritos à mão, em voos entre Kuala Lumpur e Kuchingg, o que levantou ainda mais suspeitas sobre os procedimentos de segurança.

A Rayani Air foi lançada em dezembro do ano passado e adotava a sharia como política comercial. Só servia comida halal, o álcool era proibido, a tripulação vestia apenas roupa considerada "simples" e antes de qualquer descolagem er aobrigatório fazer as orações.

Na sua frota tinha dois boeings 737-400, capazes de transportar 180 passageiros, oito pilotos e 50 membros da tripulação.

  • Bomba encontrada na Nazaré pode ter sido largada durante 2.ª Guerra Mundial
    2:26

    País

    A bomba que esta segunda-feira veio nas redes de um arrastão na Nazaré já foi detonada. O engenho explosivo foi identificado como uma bomba de avião por especialistas da Marinha, que eliminaram também o perigo equivalente a 600 quilogramas de TNT. A bomba sem qualquer inscrição tinha um desgaste evidente e, segundo a Marinha, pode ter sido largada de um avião durante a 2.ª Guerra Mundial.

  • Derrocada de muro em Lisboa obriga à retirada de 40 pessoas de 5 prédios
    2:14

    País

    Os moradores de três prédios de Lisboa não podem regressar tão cedo a casa. Durante a madrugada, a derrocada de um muro obrigou à retirada de 40 pessoas de cinco edifícios. Um dos inquilinos sofreu ferimentos ligeiros. Entretanto, a maioria dos residentes já foi realojada em casas de familiares e num hotel.

  • "Geringonça" elogiada na Europa e EUA
    4:22

    País

    Num momento em que por cá se fala de claustrofobia democrática, a Europa e os Estados Unidos desdobram-se em elogios ao sucesso da maioria de Esquerda em Portugal. A palavra "geringonça" já tem até tradução em várias línguas.

  • ONU estima que mais 750 mil civis estejam em risco na cidade de Mossul
    1:39

    Mundo

    As Nações Unidas estimam que mais 750 mil civis estejam em risco na zona ocidental de Mossul, no Iraque. Mais de 10 mil pessoas fugiram da zona ocidental da cidade nos últimos quatro dias. Enquanto a população tenta escapar ao fogo cruzado, as forças iraquianas avançam sobre a cidade ainda controlada pelo Daesh.