sicnot

Perfil

Mundo

Primeiro mamífero extinto por causa do ser humano

As alterações climáticas provocadas por ação do homem levaram à extinção de uma espécie, revelam cientistas australianos. Um pequeno roedor será assim o primeiro mamífero do planeta a estar extinto por causa do ser humano.

Melomys rubicola

Melomys rubicola

Governo do estado de Queensland

Melomys rubicola ou Bramble Cay melomys desapareceu completamente da pequena ilha situada na Grande Barreira de Coral, no estreito de Torres, que separa Austrália e Papua Nova Guiné, o único local onde existia em todo o mundo.

Este pequeno roedor, considera único mamífero autóctone da Grande Barreira de Coral, foi registado pela primeira vez por europeus em 1845 no recife de coral de Bramble - Bramble Cay. Em 1978, uma expedição científica detetou uma redução do número de animais para apenas algumas centenas, até que, em 2009, a espécie foi vista pela última vez. Em 2014, um relatório recomendou que o estatuto da espécie fosse alterado de "em perigo" para "extinto".

Esta será a primeira extinção de um mamífero causada pela mudança climática provocada pelo homem, indica o relatório elaborado por especialistas e publicado pelo governo do estado australiano de Queensland.

Natalie Waller e Luke Leung, autores do relatório, indicam que a causa para o desaparecimento foi o aumento no nível das águas. As sucessivas inundações na ilha mataram os animais e destruíram o seu habitat.

  • Marcelo condecora hoje Francisco Sá Carneiro a título póstumo
    0:55

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa vai condecorar hoje Francisco Sá Carneiro, a título póstumo. A cerimónia será incluída nas celebrações do 25 de Abril. Também a título póstumo, o Presidente da República vai ainda homenagear o antigo bispo do Porto D. António Ferreira Gomes. As condecorações têm lugar esta tarde no Palácio de Belém para onde já estava marcada a condecoração do arquiteto Siza Vieira. Todos, diz Marcelo, são figuras ligadas à liberdade e democracia.

  • A fuga dos PIDES
    20:08
  • Desconhecem-se as causas do incêndio na fábrica da Tratolixo
    0:43

    País

    Os moradores de Trajouce, em São Domingos de Rana, não ganharam para o susto com um incêndio nas instalações da empresa de resíduos Tratolixo.O alerta foi dado por populares e trabalhadores da empresa. O vento foi o maior problema dos bombeiros no combate às chamas durante a noite. No local estiveram 133 homens, apoiados por 51 viaturas.Desconhecem-se para já as causas do incêndio. O incêndio foi circunscrito de madrugada, mas pode demorar algumas horas a ser dominado.

  • Duas execução no mesmo dia pela primeira vez em 17 anos nos EUA

    Mundo

    O estado norte-americano do Arkansas (sul) executou, na noite de segunda-feira, dois condenados à morte, o que sucede pela primeira vez em 17 anos no país, anunciou a procuradora-geral daquele estado. Jack Jones e Marcel Williams, condenados separadamente na década de 1990 à pena capital por violação e assassínio, receberam uma injeção letal depois de diferentes tribunais terem rejeitado os respetivos recursos, afirmou Leslie Rutledge, em comunicado.