sicnot

Perfil

Mundo

Polícia belga recebe alerta sobre terroristas, analistas desvalorizam

A polícia belga foi avisada de que combatentes jihadistas viajaram recentemente da Síria com o objetivo de fazerem atentados na Bélgica e também em França, segundo noticia a imprensa local, informações que os analistas desvalorizam.

© Yves Herman / Reuters

"As informações que hoje surgiram em alguns 'media' são descontextualizadas e não têm, por si mesmas, qualquer impacto direto sobre o nível da ameaça atual", segundo um comunicado hoje divulgado pelo Órgão de coordenação para análise de ameaças (Ocam, na sigla francesa).

Uma nota de alerta foi enviada nos últimos dias para diferente serviços de polícia na Bélgica - e citada por jornais - alertando para o facto combatentes terem deixado a Síria "há cerca de uma semana e meia para chegarem à Europa via a Turquia e a Grécia, de barco, sem passaporte".

As muitas informações recebidas pelo Ocam serão alvo de análise e contextualização, não tendo ainda sido alterado o nível alerta no país, que se mantém em três numa escala de quatro.


Lusa

  • As primeiras decisões do Presidente Trump
    1:39
  • "Há sobretudo um fosso entre o discurso que Trump faz e os de Obama"
    6:13

    Opinião

    Cândida Pinto e Ricardo Costa analisaram a tomada de posse de Donald Trump. O diretor de informação da SIC disse que o discurso de Trump "mexe com a sua base de apoio" e defende que "a grande questão não vai ser a relação com a Rússia, mas sim com a China". Já a Editora de internacional disse que o discurso foi "voltado para dentro, nacionalista, partidarista, com ataque à elite de Washington".

    Ricardo Costa e Cândida Pinto

  • Celebridades protestam contra Trump
    3:00

    Mundo

    Tem sido assim desde a campanha e continua. Grande parte da comunidade de artistas não está nada contente com o Presidente eleito. Vários artistas aproveitaram o dia da tomada de posse para se reunirem em Nova Iorque e protestarem contra Donald Trump.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Cantora brasileira conhecida pela "Lambada" terá sido assassinada
    1:25

    Mundo

    Terá sido assassinada a cantora brasileira conhecida em Portugal pela "lambada", um ritmo que marcou o fim dos anos 90. Foi encontrada carbonizada dentro do próprio carro depois de assaltada em casa. Três suspeitos suspeitos do homicídio da cantora Loalwa Braz foram já detidos.