sicnot

Perfil

Mundo

Bélgica mantém nível de alerta três depois de operação antiterrorista

O primeiro-ministro belga anunciou hoje que a Bélgica manterá o nível de alerta atual em três, numa escala de quatro, após a operação antiterrorista que decorreu hoje de madrugada no país e que levou à detenção de 12 suspeitos.

© Francois Lenoir / Reuters

"Os diferentes eventos públicos previstos para os próximos dias vão manter-se com medidas de segurança complementares e adaptadas", disse Charles Michel, citado pela imprensa local, explicando que estas são as recomendações do Centro de Crise belga.

Charles Michel sublinhou que as autoridades belgas estão a acompanhar a situação "hora a hora" e que este sinal de vigilância demonstra uma "mensagem de determinação, serenidade e calma".

O primeiro-ministro belga falava aos jornalistas numa conferência de imprensa após uma reunião do Centro de Crise do Conselho Nacional de Segurança (CNS), convocado de urgência após a operação da polícia antiterrorista, que, segundo os órgãos de comunicação social locais, permitiu "evitar um atentado iminente" em Bruxelas.

A cadeia de televisão Rtbf indicou que vários dos detidos, que a polícia acompanhava de perto, foram vistos sexta-feira a circular de carro na Praça Rogier, em Bruxelas, onde foi instalada um ecrã gigante para permitir a transmissão de jogos do Campeonato da Europa de futebol, a decorrer em França.

No Euro2016, a Bélgica defronta hoje à tarde a seleção da Irlanda.

Nenhuma fonte oficial confirmou, até ao momento, que o atentado estaria a ser planeado para hoje, embora a Procuradoria federal belga tenha indicado, em comunicado, que os elementos recolhidos na investigação obrigaram a uma "intervenção imediata".

A polícia belga, no quadro de uma operação antiterrorista, deteve 12 suspeitos de quererem cometer um ou vários atentados na Bélgica, num total de 40 ações que decorreram maioritariamente na região de Bruxelas, mas também nas da Valónia e da Flandres.

Lusa

  • O perfil do homicida de Barcelos
    2:42

    País

    Adelino Gomes Briote já tinha sido condenado por ofensas à integridade física da sogra e de uma filha. Em seis meses esta foi a segunda vez que o homem acusado do quádruplo homicídio em Barcelos esteve perante a justiça.

  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
  • Trump diz que Obamacare vai "colapsar"

    Mundo

    O Presidente norte-americano tentou desvalorizar a derrota política sofrida na sexta-feira no Congresso, ao desistir da revogação da lei de saúde pública do seu antecessor, conhecida como Obamacare, afirmando que esta vai colapsar por si mesma.

  • Milhares nas cerimónias fúnebres de dirigente do Hamas

    Mundo

    Milhares de palestinianos participaram nas cerimónias fúnebres de um dirigente do Hamas, assassinado esta sexta-feira, na Faixa de Gaza. Vários homens armados acompanharam o cortejo fúnebre até à mesquita, onde se fizeram as últimas orações.

  • Guerra na Síria não dá tréguas
    1:51

    Mundo

    Na Síria e ao mesmo tempo que decorrem novas negociações de paz, a guerra não dá tréguas. As imagens mostram o resultados dos últimos raides aéreos nos subúrbios de Damasco. O balanço provisório é de mais de 30 mortos e pelo menos 50 feridos.