sicnot

Perfil

Mundo

Doze suspeitos detidos e 40 pessoas interpeladas por terrorismo na Bélgica

Doze suspeitos detidos e 40 pessoas interpeladas por terrorismo na Bélgica

Na Bélgica, uma vasta operação antiterrorista levou à detenção de doze pessoas suspeitas de estarem a preparar atentados.O canal VTM diz que podia estar em marcha uma ação durante o jogo Bélgica-Irlanda que decorreu durante a tarde. Já depois do jogo nove dos detidos foram libertados, mas três continuam presos.

  • Operação policial na Bélgica faz 12 detenções por suspeitas de terrorismo
    1:18

    Mundo

    Na Bélgica, uma vasta operação antiterrorista levou hoje à detenção de doze pessoas. São suspeitas de estar a preparar atentados terroristas. O canal VTM diz já que poderia estar em preparação uma ação terrorista durante o jogo deste tarde entre a Bélgica e a Irlanda. As autoridades belgas realizaram buscas em 40 casas e 152 boxes de garagens à procura de armas e explosivos. O primeiro-ministro convocou o Conselho Nacional de Segurança, depois dos raides policiais a 16 municípios.

  • Quando se pode circular pela esquerda? A GNR explica (e fiscaliza)
    5:46

    Edição da Manhã

    A regra aplica-se a autoestradas e outras vias com esse perfil mas dentro das localidades há exceções. A Guarda Nacional Republicana está a promover em todo o território nacional várias ações de sensibilização e fiscalização no sentido de prevenir e reprimir a circulação de veículos pela via do meio ou da esquerda quando não exista tráfego nas vias da direita. O major Paulo Gomes, da GNR, esteve na Edição da Manhã. 

  • Jovens impedidas de embarcar de leggings

    Mundo

    A moda das calças-elásticas-super-justas volta a fazer estragos. Desta vez nos EUA onde duas adolescentes foram impedidas de embarcar num voo da United Airlines devido à indumentária, que não cumpria com as regras dos tripulantes ou acompanhantes da companhia aérea norte-americana.

    Manuela Vicêncio

  • O pedido de desculpas de Dijsselbloem
    2:12

    Mundo

    O Governo português continua a mostrar a indignação que diz sentir perante as declarações do presidente do Eurogrupo. O ministro dos Negócios Estrangeiros português garante que com Dijsselbloem "não há conversa possível". Jeroen Dijsselbloem começou por recusar pedir desculpa mas depois cedeu perante a onda de indignação.

  • A primeira vez do Sr. Árbitro
    12:41