sicnot

Perfil

Mundo

Redes sociais bloqueadas na Argélia para evitar fugas dos exames do secundário

As autoridades argelinas bloquearam temporariamente o acesso às redes sociais para impedir novas fugas de temas dos exames, que deverão ser realizados a partir de hoje por metade dos candidatos, informou no sábado a agência de notícias APS.

© Rick Wilking / Reuters

Desde as 20 horas de sábado (mesma hora em Lisboa), as redes sociais, nomeadamente o Facebook e Twitter, ficaram inacessíveis para cibernautas argelinos, segundo a agência.

Este "encerramento das redes sociais tem uma relação direta com os exames parciais que começam na manhã de domingo", explicou à APS uma fonte do setor das telecomunicações.

Esta decisão foi tomada "sobretudo para proteger os candidatos aos exames do ensino secundário da publicação de falsos temas de exames nessas redes", acrescentou a mesma fonte.

Cerca de metade dos candidatos na Argélia estão obrigados a repetir o exame a partir da data de hoje, na sequência de fugas de informação sobre as provas na Internet.

No início de junho, cerca de 800.000 alunos realizaram exames em todo o país. Alguns candidatos das áreas científicas, matemática e gestão, receberam na sua conta de Facebook os temas que iam sair nas provas nacionais.

Lusa

  • Sporting de Braga eliminado da Liga Europa
    2:01
  • Dissolução da União Soviética aconteceu há 25 anos

    Mundo

    Assinalaram-se esta quinta-feira 25 anos desde o fim do acordo que sustentava a União Soviética. A crise começou em 80, mas aprofundou-se nos anos 90 com a ascensão de movimentos nacionalistas em praticamente todas as repúblicas soviéticas.