sicnot

Perfil

Mundo

Argélia bloqueia redes sociais para evitar fuga dos exames do secundário

A Argélia bloqueou temporariamente o acesso dos cidadãos ao Facebook e ao Twitter, bem como aos serviços 3G, para evitar fugas dos exames do secundário.

© Brendan McDermid / Reuters

Desde as 20 horas de sábado que o Facebook e o Twitter ficaram inacessíveis aos cibernautas argelinos. A medida surge depois de dezenas de pessoas terem sido detidas numa investigação relacionada com a publicação de partes dos exames nas redes sociais.

Este "encerramento das redes sociais tem uma relação directa com os exames parciais que começaram na manhã de domingo", explicou fonte do sector das telecomunicações.

A decisão foi tomada "sobretudo para proteger os candidatos aos exames do ensino secundário da publicação de falsos exames nessas redes", acrescentou a mesma fonte.

Cerca de metade dos candidatos na Argélia estão obrigados a repetir o exame, após fugas de informação das provas na Internet.

No início de Junho, cerca de 800.000 alunos realizaram exames em todo o país. Alguns candidatos das áreas científicas, matemática e gestão, receberam na sua conta de Facebook os temas que iam sair nas provas nacionalidade.

  • Luaty Beirão satisfeito com sinais de mudança de paradigma em Angola
    4:03

    Mundo

    Sete meses depois da tomada de posse de João Lourenço como presidente de Angola, o país vive um tempo de revoluções. Mudanças inéditas que, nas palavras do ativista Luaty Beirão, permitem ter esperança num futuro melhor. O músico esteve em Lagos, a convite da Câmara Municipal, para falar sobre Livros e Liberdade.

  • O portal onde pode consultar certidões e outros documentos sem sair de casa
    7:37
  • Presidente da Comunidade de Madrid demite-se depois da divulgação de vídeo de roubo
    1:27