sicnot

Perfil

Mundo

Coreia do Norte fez segundo disparo de míssil

A Coreia do Norte procedeu hoje a um segundo ensaio de um míssil Musudan de médio alcance, pouco depois de ter falhado o primeiro disparo, divulgou a agência noticiosa sul-coreana, Yonhap.

© KCNA KCNA / Reuters

O primeiro-ministro japonês já classificou o disparo dos mísseis como um gesto "intolerável".

O Ministério da Defesa da Coreia do Sul confirmou um teste, adiantando que terminou em fracasso, mas não confirmou imediatamente o segundo disparo, que a Yonhap noticiou sem fonte.

Antes, a Coreia do Norte terá falhado, aparentemente, um primeiro teste com um míssil de médio alcance, com capacidade para atingir as bases militares norte-americanas em Guam, disse quarta-feira o Ministério da Defesa sul-coreano.

Um responsável oficial disse que Pyongyang disparou um míssil não identificado desde a sua costa oeste pouco antes das 06:00 locais (22:00 de terça-feira em Lisboa).

"Aparentemente, o lançamento falhou", disse o mesmo responsável, sem pormenorizar.

Responsáveis japoneses e sul-coreanos tinha referido previamente que a Coreia do Norte se preparava para testar um poderoso míssil balístico de médio alcance designado Musudan.

A Coreia do Norte já terá efetuado quatro tentativas prévias em 2016 para testar o Musudan, que possui um alcance entre 2.000 e 4.000 quilómetros.

Lusa

  • Há companhias aéreas a contratar. TAP é uma delas
    1:28
  • Trump remarca encontro com Kim Jong-un no Twitter
    2:33

    Mundo

    A Coreia do Sul e a Coreia do Norte reuniram-se pela segunda vez em menos de um mês. Os Presidentes dos dois países dizem que estão a cooperar para que a cimeira entre Washington e Pyongyang, em Singapura, seja um sucesso. Donald Trump regressou ao Twitter para remarcar a cimeira a 12 de junho.

  • Brasil "virado do avesso" devido à greve dos camionistas
    2:27
  • Na linha do triunfo
    16:49