sicnot

Perfil

Mundo

Gravity capta pela primeira vez imagens do centro da Via Láctea

​O centro da Via Láctea foi captado em imagens pela primeira vez graças ao Gravity, um novo e potente instrumento do Observatório Astronómico Europeu (ESO).

o Gravity - instalado no deserto de Atacama, no Chile - permitirá obter observações muito detalhadas dos campos gravitacionais próximos ao buraco negro central supermaciço, que se encontra mesmo no centro da Via Láctea.

o Gravity - instalado no deserto de Atacama, no Chile - permitirá obter observações muito detalhadas dos campos gravitacionais próximos ao buraco negro central supermaciço, que se encontra mesmo no centro da Via Láctea.

"Estes resultados proporcionam uma ideia da ciência inovadora que o Gravity será capaz de produzir", descreveu o ESO num comunicado, em que indica os novos horizontes "sem precedentes" que a comunidade científica poderá alcançar graças a este novo instrumento.

O instrumento inovador combina a luz de quatro Unidades de Telescópio de 8,2 metros - equivalente à precisão e resolução que alcançaria um telescópio de 130 metros de diâmetro -, pelo qual capta "medições extraordinariamente precisas de objetos astronómicos".

Segundo os investigadores, o Gravity - instalado no deserto de Atacama, no Chile - permitirá obter observações muito detalhadas dos campos gravitacionais próximos ao buraco negro central supermaciço, que se encontra mesmo no centro da Via Láctea.

Ainda que se conheça desde 2002 a posição e massa deste buraco negro, os investigadores receberam as observações com entusiasmo pela sua precisão e porque vai permitir por à prova a validez das medições "ultra precisas" das órbitas da estrela S2.

Por agora, o grupo de astrónomos estudou a órbita da estrela S2 à volta deste buraco negro com uma exatidão "equivalente a medir a posição de um objeto na Lua, com centímetros de precisão".

Além disso, em 2018, a estrela S2 vai estar em órbita no seu ponto mais próximo do buraco negro, algo que não se vai repetir dentro de 16 anos, pelo que as expectativas nesta nova ferramenta são muito grandes.

Lusa

  • "Claramente que há mandantes e que foi uma operação organizada"
    4:14

    Crise no Sporting

    Os 23 detidos por suspeitas de terem participado no ataque à Academia de Alcochete ficaram em prisão preventiva. Miguel Sousa Tavares considera que a decisão "é mais para ser exemplar". O comentador da SIC acredita que há mandantes e que esta foi uma "operação organizada". Sousa Tavares diz ainda que os "políticos não têm coragem para impor as leis" e que em Portugal "brinca-se com a lei".

    Miguel Sousa Tavares

  • "Sempre nos disseram que bastava o Aves ganhar para estar na Liga Europa"
    0:34

    Desporto

    O Presidente da SAD do Desportivo das Aves garante que não houve esquecimento ou atraso na inscrição do clube na Liga Europa. Luiz Andrade afirma que sempre lhe disseram que bastava vencer a Taça de Portugal para marcar presença na competição e que ainda não sabe se o clube pode ou não jogar a fase de grupos da competição europeia.

  • "Fui violada por Harvey Weinstein aqui em Cannes"
    1:02

    Cultura

    A cerimónia de encerramento do Festival de Cinema de Cannes ficou ainda marcada pelo discurso de Asia Argento. A atriz italiana que acusou Harvey Weinstein de a ter violado justamente numa das edições do festival de Cannes, e que há mais abusadores à solta.

  • As primeiras imagens das quatro crias da lince Malva
    0:20
  • Exército sírio declara Damasco "totalmente segura"

    Mundo

    O exército sírio proclamou esta segunda-feira a capital Damasco e também os arredores, como locais "totalmente seguros". O anúncio foi feito em clima de festa, depois de os militares terem reconquistado os bairros do sul da cidade, até agora nas mãos do Daesh.

  • Jovem britânico em fuga é detido depois de responder à polícia no Facebook

    Mundo

    Através do Facebook, a polícia de West Yorkshire mostrou-se preocupada perante o desaparecimento de um jovem de 21 anos e pediu por informações que pudessem leva-los a descobrir Leon Smith. Contudo, o que não deveriam estar à espera, era que o próprio desaparecido respondesse na rede social e que desafiasse a polícia a "fazer o seu trabalho". As autoridades acabaram por localizar o jovem no mesmo dia.

    SIC