sicnot

Perfil

Mundo

Ataque a hotel na Somália provoca 35 mortos e 30 feridos

Pelo menos 35 pessoas morreram e 30 ficaram feridas num ataque realizado por rebeldes islamitas somalis 'shebab' contra um hotel na capital da Somália, Mogadíscio, segundo a polícia local.

© Feisal Omar / Reuters

De acordo com a mesma fonte, as autoridades tomaram conta do hotel ao fim de quatro horas de combate com um grupo armado, que fez inicialmente explodir um carro armadilhado nas imediações do hotel Naasa Hablood.

O ataque já foi reivindicado pelos insurgentes islâmicos somalis 'shebab', que juraram destruir o governo da Somália e que são um ramo da rede terrorista Al-Qaida.

As forças de segurança montaram no local uma operação para tentar libertar os reféns, entre os quais poderá estar algum membro do governo.

O Naasa Hablood é um hotel muito frequentado por políticos e residentes estrangeiros. Está situado na zona norte da capital somali.

Este ataque acontece pouco mais de três semanas depois de um outro ataque que teve como alvo o hotel Ambassador, também em Mogadíscio. No ataque de 01 de junho morreram 10 pessoas.

Lusa

  • ANACOM apresenta recomendações para melhorar redes de telecomunicações
    1:17

    País

    A ANACOM entregou um conjunto de recomendações ao Governo, Parlamento, municípios e operadores de telecomunicações. A autoridade reguladora em Portugal das comunicações eletrónicas propõe que os cabos aéreos de telecomunicações sejam substituídos por cabos subterrâneos, entre outras coisas. O objetivo é impedir que as redes fiquem em baixo perante incêndios ou outras catástrofes.

  • Ministra do Mar não aceita suspensão da pesca da sardinha
    2:39

    Economia

    O organismo científico que aconselha a Comissão Europeia em matéria de pescas recomendou esta sexta-feira que Portugal e Espanha não pesquem sardinha no próximo ano. A Ministra do Mar não aceita esta recomendação de capturas zero e vai propor uma redução do limite de capturas de sardinha das 17 mil toneladas deste ano para cerca de 14 mil em 2018.

  • Atividade económica regista crescimento

    Economia

    A atividade económica portuguesa está a crescer ao maior ritmo dos últimos 17 anos. O crescimento registado em setembro é o mais elevado desde janeiro de 2000. Já o consumo privado registou uma diminuição face a agosto.

    SIC