sicnot

Perfil

Mundo

Donald Trump apupado na Escócia durante visita a campo de golfe

O candidato republicano à presidência dos Estados Unidos Donald Trump foi hoje vaiado por manifestantes com bandeiras mexicanas e com as cores do arco íris, quando visitava um dos seus campos de golfe na costa escocesa.

© Clodagh Kilcoyne / Reuters

Os manifestantes colocaram-se numa colina com vista para o Trump International Golf Links, perto da localidade de Balmedie, e enquanto uma equipa do milionário norte-americano tentava afastar os jornalistas, cantavam e exibiam bandeiras 'gay' com as cores do arco-iris, bem como bandeiras mexicanas.

O protesto pretendia contestar a intenção de Trump construir um muro na fronteira com o México para lutar contra a imigração clandestina.

"Quero que os jornalistas americanos vejam isto", declarou um habitante local, David Milne, à agência noticiosa francesa AFP, explicando que as bandeiras são uma forma de mostrar "solidariedade" com os mexicanos.

"Se ele se tornar presidente, os Estados Unidos vão estar em guerra na semana seguinte e vão a falência depois. Esse homem é um imbecil", acrescentou ao telefone.

Trump, por seu lado, comparou os manifestantes aos seus antigos rivais na corrida à investidura republicana e declarou: "Não é grave, venci-os".

Questionado sobre a falta de apoio dos dirigentes europeus e as críticas que alguns lhe dirigiram devido às suas posições sobre os muçulmanos, mostrou-se indiferente.

"Tanto faz, não é importante. Vou dizer-vos quem é que me apoia, é o povo americano e isso conta para mim", afirmou.

Na sexta-feira, Trump inaugurou a reabertura de outro dos seus campos de golfe, em Turnberry, na costa leste da Escócia, no dia em que o Reino Unido foram anunciados os resultados do referendo que decidiu o "Brexit" da União Europeia.

"Penso que é extraordinário. É fantástico", declarou, a propósito da saída dos britânicos.

Esta é a primeira visita ao estrangeiro de Trump desde que ganhou as primárias do partido Republicano na corrida à Casa Branca.

Lusa

  • Não há risco de colapso do viaduto de Alcântara
    1:35

    País

    O desvio de um pilar do viaduto de Alcântara obrigou esta quarta-feira ao corte do trânsito e da circulação de comboios da linha de Cascais. O estrago terá sido provocado por um camião que embateu na estrutura durante a noite. A circulação ferroviária foi retomada a meio da manhã, mas o viaduto só será reaberto esta quinta-feira.

  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vitima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Romeu e Julieta nasceram no mesmo dia e no mesmo hospital

    Mundo

    Na Carolina do Sul, nos EUA, dois bebés tinham o parto marcado para 26 de março mas decidiram nascer mais cedo: exatamente no mesmo dia, apenas com uma diferença de 18 horas. Os pais não se conheciam e, curiosamente, deram o nome aos recém nascidos de Romeo e Juliet (em português, Romeu e Julieta).

  • Gelo nos polos recua para recordes mínimos

    Mundo

    A extensão de gelo polar dos oceanos Ártico e Antártico atingiu recordes mínimos a 13 de fevereiro, perdendo o equivalente a uma área maior do que o México, informou esta quarta-feira a agência espacial norte-americana NASA.

  • Túmulo de Jesus Cristo restaurado

    Mundo

    Após 10 meses de obras de restauro, o túmulo onde Jesus Cristo terá sido sepultado foi esta quarta-feira revelado numa cerimónia na igreja do Santo Sepulcro, em Jerusalém.