sicnot

Perfil

Mundo

Donald Trump apupado na Escócia durante visita a campo de golfe

O candidato republicano à presidência dos Estados Unidos Donald Trump foi hoje vaiado por manifestantes com bandeiras mexicanas e com as cores do arco íris, quando visitava um dos seus campos de golfe na costa escocesa.

© Clodagh Kilcoyne / Reuters

Os manifestantes colocaram-se numa colina com vista para o Trump International Golf Links, perto da localidade de Balmedie, e enquanto uma equipa do milionário norte-americano tentava afastar os jornalistas, cantavam e exibiam bandeiras 'gay' com as cores do arco-iris, bem como bandeiras mexicanas.

O protesto pretendia contestar a intenção de Trump construir um muro na fronteira com o México para lutar contra a imigração clandestina.

"Quero que os jornalistas americanos vejam isto", declarou um habitante local, David Milne, à agência noticiosa francesa AFP, explicando que as bandeiras são uma forma de mostrar "solidariedade" com os mexicanos.

"Se ele se tornar presidente, os Estados Unidos vão estar em guerra na semana seguinte e vão a falência depois. Esse homem é um imbecil", acrescentou ao telefone.

Trump, por seu lado, comparou os manifestantes aos seus antigos rivais na corrida à investidura republicana e declarou: "Não é grave, venci-os".

Questionado sobre a falta de apoio dos dirigentes europeus e as críticas que alguns lhe dirigiram devido às suas posições sobre os muçulmanos, mostrou-se indiferente.

"Tanto faz, não é importante. Vou dizer-vos quem é que me apoia, é o povo americano e isso conta para mim", afirmou.

Na sexta-feira, Trump inaugurou a reabertura de outro dos seus campos de golfe, em Turnberry, na costa leste da Escócia, no dia em que o Reino Unido foram anunciados os resultados do referendo que decidiu o "Brexit" da União Europeia.

"Penso que é extraordinário. É fantástico", declarou, a propósito da saída dos britânicos.

Esta é a primeira visita ao estrangeiro de Trump desde que ganhou as primárias do partido Republicano na corrida à Casa Branca.

Lusa

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi o deputado eleito pelo círculo de Braga. Agora vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Esta saída pode colocar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Pedro Dias recusou mostrar caligrafia
    2:29

    País

    Pedro Dias forneceu esta segunda-feira ADN aos peritos do laboratório da polícia científica. O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira também foi intimado a entregar amostras da própria caligrafia, mas recusou fazê-lo.

  • Autoridades italianas prosseguem buscas por desaparecidos em avalancha
    0:54
  • Ator morre baleado durante gravações de videoclip na Austrália

    Mundo

    Um ator morreu depois de ter sido baleado durante as gravações de um videoclip da banda Bliss n Eso, na cidade australiana de Brisbane. A vítima foi identificada como Johann Ofner, de 28 anos. O homem chegou a receber a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.

  • Carolina do Mónaco celebra o 60.º aniversário
    2:13

    Mundo

    Carolina do Mónaco celebra esta segunda-feira o 60.º aniversário. Em 60 anos, foi criança mediática, jovem rebelde e, agora, matriarca sem ser rainha. Carolina do Mónaco nunca saiu das revistas, por ser filha de Grace Kelly e Rainier do Mónaco, por ter somado namorados pouco recomendáveis para princesas, por ter perdido o pai dos seus filhos num terrível acidente.