sicnot

Perfil

Mundo

Presidente sul-africano deve restituir 455 mil euros ao Estado

O Presidente sul-africano, Jacob Zuma, deve restituir ao Estado 500.000 dólares (455.000 euros) no escândalo da sua residência privada, recomendou hoje o ministro das Finanças, encarregado pela justiça de determinar o montante da soma devida.

© Mike Hutchings / Reuters

A soma "que o Presidente deve pagar pessoalmente corresponde a 7.814.555 rands (cerca de 455.000 euros)", equivalente a uma parte dos trabalhos efetuados na sua propriedade com dinheiro público, indicou o Tesouro num documento entregue ao Tribunal Constitucional e obtido pela agência France Presse.

No final de março, o Tribunal Constitucional considerou que o chefe de Estado tinha violado a Constituição ao recusar-se a reembolsar os custos de renovação da sua propriedade privada não ligados à segurança.

Em causa estavam a piscina, um centro para visitantes, um anfiteatro, um espaço cercado para gado e um galinheiro.

A justiça, chamada a pronunciar-se sobre o caso pela oposição, pediu às Finanças para determinar a soma a restituir.

O Tribunal Constitucional tem agora de aprovar o montante e o Presidente Zuma terá depois 45 dias para fazer o reembolso do valor determinado.


Lusa

  • Outros casos de fuga de prisões portuguesas
    2:58

    País

    Nos últimos cinco anos, 52 reclusos fugiram de cadeias portuguesas, mas foram todos recapturados. Entre 1999 e 2009, fugiram oito reclusos da prisão de Caxias. Em 2005, um homem condenado a 21 anos de prisão fugiu de Coimbra, viajando por França e pela Polónia. Manuel Simões acabou por ser detido no regresso a Portugal.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Táxi capaz de sobrevoar filas de trânsito ainda este ano no Dubai

    Mundo

    É o sonho de muitos que passam horas intermináveis em filas de trânsito. Trata-se de um drone com capacidade para transportar pessoas. "Operações regulares" deste insólito aparelho terão início em julho, no Dubai. O anúncio foi feito pela entidade que gere os transportes da cidade. Apenas um passageiro, com o peso máximo de 100 kg, pode seguir viagem neste táxi revolucionário, capaz de sobrevoar vias congestionadas pelo trânsito.