sicnot

Perfil

Mundo

Cães detetam cheiro de diabetes em seres humanos

O olfacto apurado dos cães já se mostrou útil para detetar problemas de saúde, como alguns tipos de cancro e níveis baixos de açúcar no sangue nos diabéticos. Cientistas britânicos acreditam ter descoberto porque é que os cães conseguem farejar o momento em que ocorre esta crise tão perigosa - a hipoglicémia.

Shirley é um Labrador Retriever que consegue detetar quando o nível de açúcar no sangue do dono diabético está a baixar. Jake é um Cocker Spaniel farejador da polícia.

Shirley é um Labrador Retriever que consegue detetar quando o nível de açúcar no sangue do dono diabético está a baixar. Jake é um Cocker Spaniel farejador da polícia.

© Suzanne Plunkett / Reuters

O sentido do olfacto dos cães é muito apurado, conseguem sentir os odores mais fracos que os seres humanos nunca conseguirão cheirar. Por essa razão há cães treinados para alertar os donos no momento da crise de hipoglicémia - os doentes ficam com tremores, tontos, desorientados quando o nível de açúcar no sangue fica demasiado baixo. Se não forem tratados, os diabéticos podem ficar inconscientes e até morrer.

Os cientistas da Wellcome Trust-MRC Institute of Metabolic Science e da Universidade de Cambridge acreditam ter percebido o que cães farejam quando baixa o nível de açúcar no sangue.

Há um elemento químico que aumenta no ar que o diabético expira - isopreno. Em alguns casos, o valor desse químico chega a duplicar, embora os seres humanos não o consigam detetar.

Os cientistas esperam usar esta informação para desenvolver sensores que façam o mesmo que os cães. Assim, não serão mais necessárias as picadas constantes nos dedos para analisar o sangue.

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Mais de 50 detidos pela GNR em 12 horas

    País

    A GNR fez 51 detenções entre as 20:00 de sábado e as 08:00 de hoje, 39 das quais por condução sob efeito do álcool ou sem carta, e três por violência doméstica, segundo um comunicado hoje divulgado.

  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".

  • Monumentos de 7 mil cidades às escuras por 1 hora
    2:51