sicnot

Perfil

Mundo

ONU estende mandato dos Capacetes Azuis no Mali e envia mais soldados

O Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) decidiu hoje estender por mais um ano a operação no Mali e reforça-la com mais de 2.500 novos efetivos.

(Arquivo)

(Arquivo)

Reuters

A resolução, proposta por França e aprovada por unanimidade pelos 15 países do Conselho de Segurança, renova por mais um ano o mandato da missão de estabilização MINUSMA no país que enfrenta uma rebelião jihadista.

A MINUSMA passa a ter 13.289 soldados (contra 11.240 até agora) e 1.920 polícias (em vez de 1.440), naquela que é a missão mais perigosa entre as 16 que estão destacadas pela ONU atualmente.

A missão da ONU tem como "prioridades estratégicas" ajudar o Governo maliano na aplicação do acordo de paz assinado há um ano com os grupos armados do norte, no restabelecer da autoridade no norte e centro do país e na organização de eleições.

Para proteção dos civis, os Capacetes Azuis devem "antecipar e eliminar ameaças" com medidas como o patrulhamento nas áreas de risco, podendo ainda contar com o auxílio dos militares franceses presentes no Mali e na África subsariana.

Também são autorizadas "operações diretas" contra os jihadistas, apenas "em casos de ameaças graves e credíveis".

No período de um ano, a missão perdeu 27 soldados e teve 112 feridos, sendo considerada a mais perigosa entre as 16 missões da ONU.

Lusa

  • A fuga dos PIDES
    1:16

    Perdidos e Achados

    Ao final do dia 29 de Junho de 1975, 89 agentes da PIDE fugiam da cadeia de Vale de Judeus, em Alcoentre. Mais de 40 anos depois, Perdidos e Achados recupera um dos acontecimentos do Verão Quente em Portugal. Hoje no Jornal da Noite e conteúdos exclusivos no site.

    Hoje no Jornal da Noite

  • Uma volta a Portugal. De bicicleta mas sem licra

    País

    Um grupo de professores propõe-se a repetir o percurso da 1.ª Volta a Portugal em Bicicleta, 90 anos depois. Não se trata de uma corrida, pelo contrário querem provar que qualquer um o pode fazer e promover o uso da bicicleta como meio de transporte pessoal. “Dar a volta” parte para a estrada esta quarta-feira, de Lisboa a Setúbal, tal como em 26 de abril de 1927.

    Ricardo Rosa

  • Casa Madonna di Fatima em Roma é um lar de idosos com 9 irmãs portuguesas
    4:29

    Mundo

    A mais antiga igreja dedicada à Senhora de Fátima em Roma tem mais de 50 anos. Foi construída pelas franciscanas hospitaleiras do Imaculado Coração, uma congregação fundada em Portugal. Hoje, as religiosas portuguesas gerem um lar na mesma rua, mas o templo foi entregue a uma congregação italiana.