sicnot

Perfil

Mundo

Professores mal pagos vendem boas notas aos alunos na Guiné-Equatorial

Um professor de Filosofia foi despedido na Guiné-Equatorial por ter vendido boas notas aos alunos por alguns euros, disse hoje o ministro da Educação, sobre um caso que alerta para os baixos salários dos professores.

© Amr Dalsh / Reuters

"O professor que pediu dinheiro aos alunos em troca de notas foi automaticamente despedido", declarou à televisão do estado o ministro da Educação, Jesus Engonga Ndong, relembrando dois outros casos de venda de notas no país.

"Quando o nosso professor de Filosofia veio fazer-nos a avaliação do fim de ano, fez-nos perguntas de uma matéria que não tínhamos dado. Alguns minutos depois, ele tirou-nos o exame e pediu-nos a cada um 2.000 FCFA (cerca de três euros) para termos a nota que queríamos", explicou à televisão do estado um aluno do liceu Bioko Norte, na capital de Malabo.

O escândalo da venda de notas é conhecido neste pequeno país rico em petróleo, do qual apenas alguns beneficiam, e onde os professores se queixam dos seus salários pequenos.

"É difícil terminar com a venda de notas uma vez que os professores não têm um salário correto: 150.000 FCFA (225 euros) não é nada comparado com o trabalho que nós fazemos", disse à agência francesa France Press Mba Ela, professora de história.

O Presidente Teodoro Obiang Nguema, que lidera o país com mão de ferro desde 1979, é o líder com mais tempo de serviço em África, e a sua família acumulou muita riqueza.

Apesar da exploração de petróleo e de gás terem levado a um Produto Interno Bruto 'per capita' de 29.000 dólares em 2014, os benefícios ainda não se refletiram na maioria das pessoas que vivem numa grande pobreza.

Há apenas dois telefones por cada 100 pessoas, o país tem poucas infraestruturas e os cortes de energia são constantes. A taxa de mortalidade infantil é das piores do mundo.


Lusa

  • Cerca de 100 mortos e dezenas de desaparecidos após sismo na Indonésia
    1:24
  • As camisolas de Natal da família real britânica

    Mundo

    O espírito natalício invadiu ontem o Museu Madame Tussauds, em Londres. Foram reveladas as novas figuras de cera da família real britânica - cada membro enverga uma camisola de espírito festivo, com cãezinhos "reais" e "gingerbreadmen" de gosto duvidoso.

  • Os dias na Terra estão a ficar mais longos

    Mundo

    Os dias estão a tornar-se mais longos, mas impercetivelmente, porque vão ser precisos 6,7 milhões de anos para aumentarem um minuto, segundo um estudo publicado quarta-feira pela Proceedings A da Royal Society britânica.

  • As novas rotas da TAP em 2017
    1:59

    Economia

    No próximo ano, a TAP vai passar a voar para o Canadá. Além de Toronto, a companhia aérea vai também abrir cinco novas rotas para a Europa e aumentar algumas frequências. Fique a conhecer quais são.

  • Com este vamos arrancar-lhe uma lagriminha!

    Mundo

    Nesta redação, não se vive só de notícias. Também gostamos de nos emocionar com o mundo virtual. Imbuídos pela quadra natalícia, decidimos partilhar este vídeo polaco consigo. O que é preciso para o emocionar? Um tema com uma mensagem simples e que nos faça lembrar que somos todos feitos de carne e osso. Um toque de humor. Um sentimento sazonal, mas nunca em excesso. Um cão [é preciso haver sempre um cão]. Um enredo e algum suspense que nos prenda ao écran. Algo que nos faça engolir em seco. Foi isto que fez um site de vendas online com um anúncio com o título: "Inglês para principiantes". Então? Atingimos o nosso objetivo? Com ou sem lágrima?

  • Leica: a marca lendária entre os fotógrafos
    5:54
    Futuro Hoje

    Futuro Hoje

    3ª FEIRA NO JORNAL DA NOITE

    A Leica, das famosas máquinas fotográficas, abriu na semana passada a primeira loja em Portugal. Grande parte da produção da marca alemã é feita em Lousado, em Vila Nova de Famalicão, há 43 anos.