sicnot

Perfil

Mundo

Pelo menos 38 mortos e 40 feridos em atentado suicida na capital do Afeganistão

Pelo menos 38 pessoas morreram e 40 ficaram feridas no atentado suicida de hoje contra uma coluna de oito caravanas de jovens recrutas da polícia, num bairro na zona oeste de Cabul.

HEDAYATULLAH AMID

O atentado foi levado a cabo por dois talibãs suicidas que foram ao encontro dos autocarros e se fizeram explodir com uma diferença de cerca de cinco minutos.

O Presidente afegão classificou o atentado como "crime contra a humanidade" e ordenou ao Ministério do Interior que investigue se houve "negligência" dos responsáveis no transporte.

Os talibãs reivindicaram o atentado num comunicado, tendo o seu porta-voz, Zabihullah Mujahid, afirmado que o segundo atacante estava à espera que as autoridades chegassem para "recolher os mortos e feridos", para causar mais danos.

O comunicado situa o número de mortos em 150, mas os rebeldes exageram habitualmente o resultado das suas ações.

Segundo a agência noticiosa espanhola Efe, a instabilidade no país tem aumentado desde que a missão militar da NATO acabou em dezembro de 2014 e os talibãs desencadearam atentados mais frequentes e de maior dimensão nas grandes cidades.

A NATO vai manter cerca de 12 mil soldados até finais de 2016.

Os rebeldes controlam desde finais do ano passado quase um terço do território afegão, segundo dados do inspetor-geral dos Estados Unidos para a Reconstrução do Afeganistão.

Os Estados Unidos mantêm no Afeganistão cerca de 9.800 soldados em missões antiterroristas e de assessoria militar.

Lusa

  • Lince ibérico esteve à venda no OLX

    País

    Um anúncio de venda de um lince ibérico, por 1.500 euros, foi publicado esta semana no site de classificados OLX, com uma morada de Alcoutim, no Algarve. A autenticidade da publicação não foi confirmada, mas em setembro foi encontrada a coleira de um lince ibérico precisamente em Alcoutim. As autoridades estão a investigar.

    SIC

  • "O futuro da Autoeuropa não está em causa"
    0:43

    Economia

    O secretário de Estado do Trabalho apelou a que os partidos não se intrometam nas negociações entre os trabalhadores e a administração da Autoeuropa. Em entrevista à Edição da Noite da SIC Notícias, Miguel Cabrita afastou a hipótese de estar em causa o encerramento da fábrica de Palmela.