sicnot

Perfil

Mundo

China condena instalação de sistema antimísseis norte-americano na Coreia do Sul

A China condenou hoje a instalação de um sistema antimísseis norte-americano na Coreia do Sul por considerar que "prejudica seriamente" a segurança na região.

O Presidente chinês, Xi Jinping

O Presidente chinês, Xi Jinping

Ebrahim Noroozi

Seul e Washington anunciaram hoje um acordo para a instalação na península coreana do sistema THAAD (Terminal High Altitude Area Defence), dadas as crescentes ameaçadas da Coreia do Norte.

Para o Ministério da Defesa chinês, este acordo "prejudica seriamente os interesses estratégicos a nível de segurança de países da região, incluindo a China".

"A China insta fortemente os EUA e a Coreia do Sul a pararem o processo de instalação do sistema antimíssil THAAD", acrescentou o Ministério, na mesma declaração, feita através de um comunicado.

Para Pequim, a instalação deste sistema na Coreia do Sul não ajudará à desnuclearização da península coreana.

A China exprime, assim, "a sua forte desaprovação e a sua firme oposição" ao acordo anunciado por Seul e Washington.

Pequim já havia condenado, por diversas vezes, a possível instalação do THAAD em território sul-coreano, temendo que o seu raio de alcance vá muito além das efetivas necessidades de defesa da península coreana e interfira em interesses chineses.

Por outro lado, a China teme que acabe por provocar uma corrida ao armamento na região.

Os Estados Unidos da América e a Coreia do Sul iniciaram conversações com vista à instalação do sistema norte-americano antimísseis na península coreana em fevereiro, um mês depois de a Coreia do Norte ter feito o seu quarto teste nuclear.

Seul e Washington "fizeram uma aliança para instalar o THAAD", como "medida de defesa para garantir a segurança" da Coreia do Sul e da sua população, disseram hoje os responsáveis pela Defesa dos dois países, num comunicado conjunto que não avança uma data para a concretização do acordo.

Lusa

  • Coutinho e Neymar salvam Brasil de empatar com a Costa Rica já na compensação

    Mundial 2018 / Brasil

    O Brasil venceu a Costa Rica por 2-0 numa partida a contar para a 2ª jornada do grupo E do Mundial da Rússia. Contas feitas, o Brasil sobe para o primeiro lugar do grupo, com 4 pontos, seguido da Sérvia com 3 pontos. A Suíça (1 ponto) e a Costa Rica (0 pontos) ocupam, assim, os últimos lugares da tabela.

  • Moutinho e Rafael Guerreiro de "baixa", Fonte disponível "para tocar bombo"
    1:52
  • Mulher morre após ser mandada para casa pelo Centro Hospitalar do Oeste
    2:23

    País

    Uma mulher morreu depois de ter tido alta no Centro Hospitalar do Oeste. Há fortes suspeitas que tenha sido vítima de um diagnóstico mal feito por uma empresa de telemedicina. O Bastonário da Ordem dos Médicos quer avaliar todos os contratos do Estado com serviços de telemedicina e impedir que as empresas e os hospitais fujam às responsabilidades. Até agora ninguém foi responsabilizado, a família apresentou várias queixas e Entidade Reguladora da Saúde abriu um inquérito.

  • Antigo campeão nacional de Ori-BTT, de 19 anos, morreu em colisão com carro
    1:42

    País

    Um ciclista de 19 anos morreu e o pai ficou gravemente ferido, numa colisão com uma viatura que fazia uma inversão de marcha, em Loulé, na quarta-feira. Quando o acidente aconteceu, o jovem estava a treinar para um campeonato na Hungria, onde ia participar dentro de poucos dias. Duarte Lourenço, que chegou a ser campeão nacional de Ori-BTT, pertencia ao escalão de Juniores, devido à sua idade, mas por vontade própria fazia escalão Sénior.