sicnot

Perfil

Mundo

Polícia de Nova Iorque reforça segurança após assassínios de Dallas

A polícia de Nova Iorque, Estados Unidos, anunciou hoje, em conferência de imprensa, que reforçou a segurança na cidade, depois do assassínio de vários polícias em Dallas, Texas, mas asseguraram que não receberam nenhuma ameaça.

© Eduardo Munoz / Reuters

O Departamento de Polícia de Nova Iorque (NYDP) explicou que vão ser feitas patrulhas aos pares e que os efetivos que patrulham desarmados vão deixar de estar nas ruas durante algum tempo.

Foram também destacados mais polícias para vigilância dos protestos esperados para os próximos dias, em resposta aos últimos casos de violência policial contra cidadãos afroamericanos.

Na quinta-feira à noite, em Dallas, durante uma manifestação um homem disparou sobre agentes da polícia, provocando cinco mortos e sete feridos.

Em conferência de imprensa, o comandante da NYDP, William Bratton, assegurou que atualmente não há nenhuma "ameaça credível" contra a cidade ou os seus polícias e que as medidas foram tomadas por precaução.

Durante esta semana, a polícia de Nova Iorque recebeu ameaças, mas William Bratton qualificou-as como "habituais" depois de episódios de violência policial.

A polícia de Nova Iorque espera novas manifestações para hoje, sábado e domingo, depois das ocorridas quinta-feira para protestar contra a violência policial contra afroamericanos.

Esta semana, a polícia norte-americano voltou a matar a tiro dois cidadãos afroamericanos, um no Estado de Luisiana e outro no do Minnesota. As imagens foram filmadas por outros cidadãos e divulgadas nas redes sociais.

Lusa

  • Cinco agentes mortos em manifestação contra violência policial nos EUA
    0:38

    Mundo

    O suspeito de ter participado no tiroteio desta manhã que vitimou cinco polícias em Dallas, nos Estado Unidos, e que estava cercado pelas autoridades terá morrido. A informação foi avançada pela imprensa local que diz que o homem se suicidou, depois de horas de trocas de tiros com a polícia. Cinco agentes foram mortos durante uma manifestação contra a violência policial.

  • Salgado impedido de sair do país e de contactar outros arguidos
    1:21

    Operação Marquês

    O ex-presidente do BES, Ricardo Salgado, ficou esta quarta-feira impedido de se ausentar para o estrangeiro sem autorização prévia e proibido de contactar com os arguidos da Operação Marquês, determinou o Tribunal Central de Instrução Criminal. O jornalista da SIC Luís Garriapa esteve no TCIC, onde deu a conhecer as medidas de coação, depois de uma "longa maratona de nove horas".

  • Temperatura global de 2016 foi a mais alta desde 1880

    Mundo

    A temperatura média na superfície terrestre e oceânica em 2016 foi a mais alta desde 1880, no terceiro ano consecutivo de recordes do aquecimento global, anunciou esta quarta-feira a agência dos Estados Unidos para a atmosfera e os oceanos.

  • CIA desvenda segredos de quase 50 anos de História

    Mundo

    A CIA publicou online quase 12 milhões de documentos confidenciais. Basta uma ligação à Internet para navegar por entre 50 anos de relatórios outrora secretos. Entre os milhões de páginas, estão documentos sobre um eventual assassínio de Fidel Castro, detalhes sobre os crimes de guerra nazis, relatórios sobre avistamentos de OVNI e um estudo sobre telepatia denominado "Projeto Star Gate".

  • Cadela sobrevive após engolir faca de cozinha

    Mundo

    Na Escócia, uma história de sobrevivência, no mínimo, bicuda. Uma cadela engoliu uma faca de cozinha com mais de 20 centímetros, manteve-a dentro de si durante algumas semanas mas sobreviveu, depois de ser operada de urgência..