sicnot

Perfil

Mundo

Cerca de 4.500 pessoas detidas em operação policial no sul e leste de África

Cerca de 4.500 pessoas foram detidas numa ação contra o tráfico de pessoas, drogas e armas numa operação policial na África central e oriental, anunciou hoje a Interpol.

© Alessandro Bianchi / Reuters

A operação resultou de uma ação conjunta das organizações regionais de polícia da África Austral (SARPCCO) e Oriental (EAPCCO).

A ação decorreu nos dias 29 e 30 de junho, envolvendo mais de 1.500 agentes em 22 países numa operação designada Usalama III, que inclui a luta contra o terrorismo, roubo de veículos e tráfico de marfim e animais selvagens.

Em causa está a apreensão de drogas, armas, passaportes falsos e marfim no valor de 1,8 milhões de euros, incluindo 88.000 comprimidos de Fenetilina (anfetaminas), redes de pesca ilegais e 5,5 toneladas de cobre roubado.

No decorrer da investigação foram recuperados 30 veículos roubados e feita uma detenção, com base num mandado de prisão internacional.

"Operações como Usalama III mostram o que é possível de alcançar quando as forças de ordem trabalham em colaboração estreita na luta contra a delinquência transnacional", disse o presidente da EAPCCO, Joseph Boinnet, inspetor-geral da Polícia Nacional de Quénia.

A SARPCCO integra Angola, Botsuana, Lesoto, Malaui, ilhas Maurícias, Moçambique, Namíbia, África do Sul, Suazilândia, Tanzânia, Zâmbia e Zimbabué, enquanto a EAPCCO tem como Estados-membros o Burundi, Djibuti, Etiópia, Eritreia, Quénia, Ruanda, Seychelles, Somália, Sudão e Uganda.

Lusa

  • Costa desvaloriza ameaça e mantém planos de visita a Angola
    2:27

    Economia

    O governo angolano reagiu duramente à acusação do Ministério público portugues contra o vice-presidente de Angola. Luanda diz que a acusação é um sério ataque à República de Angola que pode perturbar as relações entre os dois paises. António Costa desvaloriza a ameaça e mantém os planos de uma visita a Angola na primavera.

  • Catarina Martins diz que é preciso ouvir os dois secretários de Estado sobre offshores
    1:27

    Economia

    O Bloco de Esquerda diz que participa com empenho em todas as comissões de inquérito, mas insiste que não faz sentido suspender o trabalho da comissão em curso sobre a Caixa Geral de Depósitos. Catarina Martins esteve esta manhã em Estremoz, onde comentou também o caso das transferências para offshores. A coordenadora do Bloco diz que é preciso ouvir os dois Secretários de Estado dos assuntos fiscais para perceber o que se passou.

  • Ferro Rodrigues desvaloriza críticas do CDS
    3:24

    Caso CGD

    Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de receber em público Ferro Rodrigues antes de um almoço com o presidente da Assembleia da República. O Presidente também recebeu a representante do CDS-PP, Assunção Cristas, que foi apresentar queixa de Ferro Rodrigues e da maioria de esqueda em relação à comissão de inquérito da Caixa Geral de Depósitos. Ferro Rodrigues desvalorizou as críticas.

  • Brasil já tirou o "pé do chão"
    1:59

    Mundo

    Já começaram os desfiles e festas de carnaval, no Rio de Janeiro.Esta sexta feira foi o início oficial das celebrações com centenas de milhar de pessoas nas ruas até de madrugada.

  • Luaty Beirão agredido em manifestação em Luanda
    1:27

    Mundo

    Luanda tem sido palco de várias manifestações contra a forma como está a decorrer o processo eleitoral em Angola. Esta sexta-feira, uma dessas manifestações acabou em confrontos com as autoridades. Entre os manifestantes estava o ativista Luaty Beirão.

  • Atores de Hollywood contra Trump
    1:44

    Mundo

    Centenas de pessoas juntaram-se em mais um protesto contra o presidente dos Estados Unidos. A manifestação, em Beverly Hills, juntou várias estrelas de Hollywood.