sicnot

Perfil

Mundo

Colisão de comboios faz pelo menos 10 mortos em Itália

Pelo menos 10 pessoas morreram e várias dezenas ficaram feridas num choque entre dois comboios no sul de Itália, na região de Apúlia, anunciaram os meios de comunicação social.

ITALIAN FIRE BRIGADE / HANDOUT

Google Maps

As duas composições, com quatro carruagens cada, encontravam-se na mesma linha ferroviária e colidiram frontalmente, segundo imagens divulgadas nas televisões.

"Há 10 mortos e muitos feridos", declararam à agência France Presse os bombeiros de Bari, a principal cidade da Apúlia.

A colisão dos dois comboios de passageiros ocorreu cerca das 11:30 locais (10:30 em Lisboa) entre as cidades costeiras de Bari e Barletta, indicou a BBC News no seu "site".

"Algumas das carruagens estão completamente esmagadas e os serviços de socorro estão a retirar as pessoas, muitas estão feridas", declarou aos jornalistas o chefe da polícia de trânsito em Andria, perto de Bari, citado pela AFP.

O primeiro-ministro italiano, Matteo Renki interrompeu um discurso em Milão para declarar que o país "não descansará enquanto não se souber o que aconteceu".

"Este é um momento de lágrimas em que precisamos de trabalhar para recuperar as vítimas mortais e os feridos", adiantou, antes de referir que ia regressar imediatamente a Roma.

Segundo investigadores, é possível que a colisão se deva a erro humano.

Um dos comboios deveria ter esperado numa estação pela luz verde antes de se dirigir para a linha única entre as cidades de Corato e Andria.

Com Lusa

  • O perfil do homicida de Barcelos
    2:42

    País

    Adelino Gomes Briote já tinha sido condenado por ofensas à integridade física da sogra e de uma filha. Em seis meses esta foi a segunda vez que o homem acusado do quádruplo homicídio em Barcelos esteve perante a justiça.

  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
  • Trump diz que Obamacare vai "colapsar"

    Mundo

    O Presidente norte-americano tentou desvalorizar a derrota política sofrida na sexta-feira no Congresso, ao desistir da revogação da lei de saúde pública do seu antecessor, conhecida como Obamacare, afirmando que esta vai colapsar por si mesma.

  • Milhares nas cerimónias fúnebres de dirigente do Hamas

    Mundo

    Milhares de palestinianos participaram nas cerimónias fúnebres de um dirigente do Hamas, assassinado esta sexta-feira, na Faixa de Gaza. Vários homens armados acompanharam o cortejo fúnebre até à mesquita, onde se fizeram as últimas orações.

  • Guerra na Síria não dá tréguas
    1:51

    Mundo

    Na Síria e ao mesmo tempo que decorrem novas negociações de paz, a guerra não dá tréguas. As imagens mostram o resultados dos últimos raides aéreos nos subúrbios de Damasco. O balanço provisório é de mais de 30 mortos e pelo menos 50 feridos.