sicnot

Perfil

Mundo

Guterres defendeu na ONU que mundo precisa de liderança e valores

António Guterres defendeu hoje na ONU, em Nova Iorque, durante o primeiro debate entre candidatos a secretário-geral, que o mundo "precisa urgentemente" de "liderança e valores".

© Reuters Staff / Reuters

Guterres disse que "com a mudança climática e o aumento da população, o mundo está a ficar mais pequeno e os recursos mais escassos" e que é preciso enfrentar esses desafios, disse o candidato.

Na sua declaração inicial no debate, Guterres disse que o próximo secretário-geral da ONU tem de ser "sólido" um "símbolo de unidade" e que "precisa saber combater, e derrotar, o populismo político, o racismo e a xenofobia."

"E esses são valores que defendi toda a minha vida", concluiu.

Em resposta à primeira ronda de perguntas, que se centraram no tipo de liderança que os candidatos pretendem ter, Guterres teve os dois primeiros aplausos espontâneos da noite.

O primeiro foi quando elogiou o atual secretário-geral, Ban Ki-moon, ao dizer que não o pretendia criticar e que o sul-coreano tinha feito "um trabalho fantástico" ao longo dos seus mandatos.

"Precisamos traduzir as muitas iniciativas que temos e atividades que desenvolvemos para uma linguagem que as pessoas de todo o mundo percebam", disse ainda, em resposta a uma pergunta sobre como vai comunicar o trabalho da ONU.

"Mas uma liderança não é apenas uma questão de comunicação. É sobre substância", acrescentou.

Os 10 candidatos presentes no debate desta noite foram divididos em dois grupos.

Guterres faz parte do primeiro grupo, no qual participam ainda Vesna Pusic, da Cróacia, Susana Malcorra, da Argentina, Vuk Jeremic, da Sérvia, e Natalia Gherman, da Moldávia.

No segundo grupo, participam Helen Clark, da Nova Zelândia, Danilo Turk, da Eslovénia, Christiana Figueres, da Costa Rica, Igor Luksic, de Montenegro, e Irina Bokova, da Bulgária.

Lusa

  • As alterações na carta de condução que ajudam a poupar
    6:16
  • George H. Bush nos cuidados intensivos e mulher também hospitalizada

    Mundo

    O antigo Presidente dos Estados Unidos da América e a sua mulher estão hospitalizados em Houston, no Texas. George H. W. Bush foi admitido no sábado, devido a um problema respiratório derivado de pneumonia, enquanto Barbara Bush entrou esta quarta-feira no hospital, por sintomas de fadiga e tosse.

  • Nevão provocou corte de energia no centro dos EUA
    1:37

    Mundo

    Uma tempestade de neve no centro dos Estados Unidos da América provocou cortes no abastecimento de eletricidade, atrasos em voos e dificuldades na circulação rodoviária. Em Espanha, a descida das temperaturas levou à emissão de avisos em 30 províncias de norte a sul do país e deixou 27.700 alunos sem aulas em Valência.

  • Cadela sobrevive após engolir faca de cozinha

    Mundo

    Na Escócia, uma história de sobrevivência, no mínimo, bicuda. Uma cadela engoliu uma faca de cozinha com mais de 20 centímetros, manteve-a dentro de si durante algumas semanas mas sobreviveu, depois de ser operada de urgência..