sicnot

Perfil

Mundo

Governo francês apela a Barroso que renuncie a cargo na Goldman Sachs

​O Governo francês considera escandalosa a contratação de Durão Barroso para o cargo de presidente não-executivo e consultor da Goldman Sachs.

© Sebastien Pirlet / Reuters

O Executivo francês apela ao antigo presidente da Comissão Europeia que reconsidere o convite, por levantar questões de conflitos de interesses.
O ministro francês para os Assuntos Europeus disse mesmo, no Parlamento, que se trata de um "erro" por parte de Durão Barroso.

O banco de investimentos americano Goldman Sachs está associado à crise do subprime nos Estados Unidos e também ao contágio às dívidas soberanas do euro.

A contratação de Durão Barroso, está a originar uma série de apelos, para que haja uma mudança nas regras de incompatibilidades.

Durão Barroso tem 60 anos, foi primeiro-ministro de Portugal, cargo que abandonou para ser presidente da Comissão Europeia entre 2004 e 2014.

  • Os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa
    1:55
  • BCE autoriza CGD a avançar com recapitalização

    Caso CGD

    A Caixa Geral de Depósitos informou esta sexta-feira que vai prosseguir com as operações da primeira fase do aumento de capital, depois de ter obtido autorização para isso junto do Banco Central Europeu (BCE) e do Banco de Portugal.

  • Condutores apanhados a mais de 200 em corridas ilegais na Ponte Vasco da Gama
    1:25
  • A história da guerra em Alepo
    7:43
  • Reino Unido em alerta máximo de terrorismo

    Mundo

    O Reino Unido elevou o alerta de terrorismo para o nível máximo depois das declarações, esta quinta-feira, do chefe das secretas britânicas. O diretor do MI6 está preocupado com eventuais ataques contra o Reino Unido e outros aliados.

  • Uma "cidade fantasma" na Letónia
    3:10
  • O anúncio de natal que está a emocionar o mundo
    1:47