sicnot

Perfil

Mundo

Tempestade tropical na China provocou 21 mortos e 13 desaparecidos

Uma tempestade tropical na China fez 21 mortos e 13 desaparecidos após ter atingido Taiwan com chuva e ventos de tufão, segundo disse hoje a agência de notícias chinesa, Xinhua.

(arquivo)

(arquivo)

© China Stringer Network / Reut

As perdas económicas diretas chegam a sete mil milhões de yuan, cerca de 940 milhões de euros.

A tempestade tropical atingiu a costa da China durante o fim de semana e provém do supertufão Nepartak que deixou a ilha de Taiwan num estado de caos na semana passada.

O Nepartak enfraqueceu para tempestade tropical no sábado, quando atingiu a província de Fujian, na costa leste chinesa.

Taiwan viu os ventos mais fortes registados num século, o que obrigou 15.000 pessoas a deixarem as suas casas. O centro de operações de emergência de Taiwan disse que três pessoas foram mortas e 300 ficaram feridas.

Segundo a Xinhua, mais de meio milhão de pessoas tiveram de ser retiradas dos seus locais de habitação e 8.300 casas foram destruídas num dos piores períodos de tempestades de verão na China.

Lusa

  • Zeca Afonso morreu há 30 anos
    1:11
  • Compensa comprar a granel?
    8:39
  • "Isto é uma mentira e tem carimbo de Estado"
    2:12

    Opinião

    O preço das botijas de gás em Portugal duplicou nos últimos 15 anos. José Gomes Ferreira esteve no Jornal da Noite, da SIC, onde explicou este aumento, lembrando que a classe política prometeu que se houvesse mais empresas a operar no mercado, os preços desciam. Contudo, José Gomes Ferreira diz que "isto é uma mentira e tem carimbo de Estado". O Diretor-Adjunto de Informação SIC explicou que como o mercado é livre, os operadores vendem aos preços mais altos que podem, deste modo os preços não variam muito entre uns e outros.

    José Gomes Ferreira