sicnot

Perfil

Mundo

Obama convoca Conselho de Segurança Nacional

O presidente norte-americano Barack Obama convocou hoje o Conselho de Segurança Nacional, na sequência do golpe de Estado falhado na Turquia, adiantou a Casa Branca em comunicado, citada pela AFP.

© Yuri Gripas / Reuters

"O presidente vai reunir-se com o seu Conselho de Segurança e equipa de política internacional para se inteirar da situação na Turquia", adiantou a Casa Branca em comunicado.

A reunião deverá começar às 14:30 GMT (mais uma hora em Lisboa) e será fechada à imprensa.

Na Turquia, as autoridades impuseram, por razões de segurança, o fecho da base militar de Incirlik, no sul do país, usada pelos Estados Unidos e pelas forças da coligação nos ataques aos jihadistas na Síria, adiantou o consulado norte-americano no país.

"As autoridades locais estão a negar qualquer entrada ou saída na base aérea de Incirlik. A energia foi cortada", adiantou o consulado em Adana.

O comando militar norte-americano na Europa elevou para o nível máximo o estado de alerta das tropas americanas na Turquia, ordenando-lhes que tomem medidas de proteção máxima, na sequência do golpe de Estado falhado.

Os Estados Unidos têm cerca de 2.200 militares e civis empregados na Turquia, um membro da NATO e parceiro essencial dos norte-americanos naquela região.

Cerca de 1.500 deles estão colocados em Incirlik, de onde foram lançados muitos ataques contra o grupo extremista Estado Islâmico.

Lusa

  • O golpe de Estado falhado na Turquia
    3:48

    Mundo

    O último balanço do golpe de Estado falhado na Turquia é de 194 mortos (civis e militares), mais de 1.150 feridos e 2.800 detidos. O Presidente Erdogan que já regressou a Ancara diz que a situação está controlada, mas apelou à população para se manter nas ruas. A capital e Istambul, a maior cidade do país, foram os principais palcos da revolta militar. As tropas revoltosas falavam em restaurar a Democracia e a Constituição.

  • Civis resistiram ao avanço dos militares na Turquia
    1:15

    Mundo

    Durante a tentativa de golpe de Estado na Turquia, os militares procuraram controlar locais estratégicos do país como estações de televisão e vias de comunicação. Contudo, a população respondeu ao apelo do presidente e resistiu ao avanço dos militares. A cadeira de televisão "CNN Turquia" foi um dos meios de comunicação tomados pelos militares. A ação militar destruiu vários edifícios do Governo e provocou quase 200 mortos e mais de mil feridos.

  • Militar ferido com gravidade em acidente com Pandur
    1:19

    País

    O acidente em Vila Real que envolveu uma viatura militar fez três feridos. Uma das vítimas ficou em estado grave e teve de ser transportada de helicóptero para o Hospital Santo António do Porto. O militar ficou encarcerado no veículo blindado, o que dificultou os trabalhos de socorro.

  • Sismo abala centro de Itália

    Mundo

    A capital da Itália foi esta manhã sacudida por três sismos em apenas uma hora, de entre 5,3 e 5,7 na escala de Richter, não havendo até ao momento registo de vítimas.

  • Oposição diz que défice abaixo dos 2,3% se deve ao aumento de impostos
    2:24

    Economia

    O défice de 2016 vai ficar abaixo dos 2,3%, uma garantia dada pelo primeiro-ministro durante o debate quinzenal desta terça-feira. A oposição diz que o resultado é bom para o país mas que se deve a um aumento de impostos, feito pelo Governo no ano passado, e ao trabalho do PSD e do CDS nos anos anteriores.

  • Bebé nasce na Ucrânia com ADN de três pais

    Mundo

    Nasceu a 5 de janeiro, na Ucrânia, uma menina filha de um casal infértil graças à ajuda de uma nova técnica de fertilização in vitro, que conta com a colaboração de uma terceira pessoa. De acordo com o britânico The Times, os médicos utilizaram pela primeira vez um método denominado transferência pronuclear. Esta não é, contudo, a primeira vez que nasce um bebé com ADN de três progenitores.

  • CIA desvenda segredos de quase 50 anos de História

    Mundo

    A CIA publicou online quase 12 milhões de documentos confidenciais. Basta uma ligação à Internet para navegar por entre 50 anos de relatórios outrora secretos. Entre os milhões de páginas, estão documentos sobre um eventual assassínio de Fidel Castro, detalhes sobre os crimes de guerra nazis, relatórios sobre avistamentos de OVNI e um estudo sobre telepatia denominado "Projeto Star Gate".