sicnot

Perfil

Mundo

Pelo menos seis civis mortos e 100 feridos na tentativa de golpe na Turquia

Pelo menos seis civis morreram e cem outros ficaram feridos em Istambul durante o caos gerado, esta noite, pela tentativa de golpe militar posta em marcha na Turquia, informam hoje os meios de comunicação social locais.

Segundo a emissora CNNTürk, no Hospital Haydarpasa Numune foram contabilizados pelo menos seis mortos e aproximadamente uma centena de feridos.

Os meios de comunicação social turcos indicaram que militares dispararam contra a multidão que protestava contra a intentona e tentava atravessar uma das pontes que unem a parte asiática da cidade à europeia, e que havia sido tomada pelos golpistas.

Foram ainda contabilizados pelo menos 12 feridos, incluindo dois em estado grave, na sequência do bombardeamento do parlamento turco, em Ancara, por parte dos rebeldes.

Também na capital foram mortos 17 polícias numa explosão na sede das forças especiais.

Além disso, a emissora pública TRT assegura que cinco militares golpistas que participaram na ocupação da sua sede foram neutralizados por um grupo de civis.

Tanto Ancara como Istambul foram palco de fortes explosões e tiroteios na sequência da tentativa de golpe de Estado que decorre na Turquia, havendo informações pouco precisas ainda sobre o atual ponto de situação.

A imprensa adiantou ainda que a Força Aérea interveio para combater os golpistas e que um helicóptero já foi abatido.

O Serviço de Inteligência Turca (MIT) anunciou que fracassou a tentativa de golpe de Estado, admitindo que ainda persistem algumas bolsas de resistência por parte dos militares.

Em paralelo, pouco antes da chegada do Presidente da Turquia, o islamita Recep Tayyip Erdogan, hoje, a Istambul, o porta-voz da presidência também deu por terminada a tentativa de golpe de Estado.

Lusa

  • Português ficou retido no aeroporto
    2:29

    Mundo

    Ricardo é piloto da Turkish Airlines e está retido no aeroporto a acompanhar os últimos acontecimentos pela televisão. O português diz que alguns civis que estavam no aeroporto se revoltaram contra os militares e entoaram cânticos de apoio a Erdogan. Ricardo conta também que os militares dispararam alguns tiros.

  • O golpe e o contra golpe na Turquia
    5:28

    Mundo

    Neste momento assiste-se a um golpe e um contra golpe na Turquia e o grande número de pessoas na rua não vai facilitar a vida aos revoltosos "sem que haja uma carnificina", considera Ricardo Costa, da SIC.

  • "Erdogan é um ditador e não tem as forças armadas do seu lado"
    7:01

    Mundo

    Depois da tentativa de golpe de estado na Turquia levada a cabo pelas forças armadas, os caos instalou-se no país. José Goulão esteve em direto na SIC Notícias e diz que "Erdogan é um ditador e não tem as forças armadas do seu lado", nmo entanto confessa que ainda é cedo para se saber o desfecho desta rebelião.

  • Manuel Valls diz que Trump fez declaração de guerra à Europa

    Mundo

    O antigo primeiro-ministro francês Manuel Valls, aspirante a candidato socialista às presidenciais deste ano, considerou esta segunda-feira como uma "declaração de guerra" as afirmações do futuro Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sobre a União Europeia.

  • Morreu o último homem que pisou a Lua

    Mundo

    O astronauta norte-americano Eugene Cernan, o último homem a pisar a Lua, morreu esta segunda-feira aos 82 anos, informou a agência espacial norte-americana, NASA.

  • Novo motim em prisão brasileira do Rio Grande do Norte

    Mundo

    Um motim ocorreu esta segunda-feira de madrugada numa prisão do estado brasileiro de Rio Grande do Norte, sem fazer feridos ou mortos, depois de uma rebelião numa outra prisão do mesmo estado ter feito 26 mortos no fim de semana.

  • Cheias e derrocadas destroem várias casas no Peru
    0:42

    Mundo

    Um deslizamento de terras seguido de uma inundação destruiu várias casas no Peru. As imagens mostram o momento em que o deslizamento acontece e o caos que se gerou. O trânsito ficou cortado e as inundações que se seguiram obrigaram várias pessoas a abandonar as suas habitações.