sicnot

Perfil

Mundo

Washington vai levar novos lançamentos de mísseis norte-coreanos à ONU

Os Estados Unidos anunciaram esta noite que vão manifestar na ONU a sua preocupação sobre os novos lançamentos de mísseis norte-coreanos, em violação das resoluções do Conselho de Segurança das Nações Unidas.

© KCNA KCNA / Reuters

"Temos a intenção de manifestar a nossa preocupação às Nações Unidas, a fim de reforçar a determinação internacional em responsabilizar [a Coreia do Norte] por estas ações provocadoras", disse o comandante Gary Ross, porta-voz do Pentágono, depois do lançamento de três mísseis balísticos por Pyongyang.

A Coreia do Norte disparou três mísseis balísticos hoje, anunciaram as Forças Armadas da Coreia do Sul.

Na semana passada, a Coreia do Norte tinha feito ameaças por causa da instalação na Coreia do Sul de um sistema antimíssil norte-americano.

Os mísseis, lançados na cidade de Hwangiu, voaram entre 500 e 600 quilómetros em direção ao mar do Japão, referiram, em comunicado, os líderes dos ramos das Forças Armadas sul-coreanas.

As tensões têm aumentado desde que Pyongyang realizou o seu quarto teste nuclear, em janeiro, seguido de uma série de lançamentos de mísseis.

Em março, o Conselho de Segurança da ONU impôs as mais duras sanções até à data à Coreia do Norte depois de Pyongyang ter levado a cabo o seu quarto ensaio nuclear e de ter disparado um 'rocket', num ato visto como um teste de míssil balístico encoberto.

Lusa

  • Marcelo regressa à televisão ao domingo
    0:36

    Programas

    Um ano depois de ser eleito, entre o sucesso popular e o compromisso político, eis a primeira entrevista do Presidente da República. Marcelo Rebelo de Sousa regressa à televisão ao domingo, para uma entrevista exclusiva no Jornal da Noite da SIC.

    Hoje no Jornal da Noite

  • Passos Coelho apela à reforma do IRC
    0:38

    Economia

    Passos Coelho critica o que diz ser um aumento do salário minimo nacional feito de forma irresponsável e sugere ao Governo que retome a reforma do IRC. No discurso de encerramento do congresso do PSD-Açores, o líder social democrata reafirmou que o Governo não pode contar com o PSD quando há divergências na "geringonça".

  • Oceanário de Lisboa dá formação sobre impacto da acumulação de plásticos nos oceanos
    2:37