sicnot

Perfil

Mundo

Líderes estudantis de Hong Kong declarados culpados por protesto que iniciou Occupy em 2014

Reuters

O líder estudantil de Hong Kong, Joshua Wong e outros dois ativistas foram hoje considerados culpados de reunião ilegal num protesto que esteve na origem de manifestações pró-democracia e na ocupação das ruas da cidade em 2014.

Joshua Wong, de 19 anos, Alex Chow, de 25 anos, e Nathan Law, de 23 anos, foram considerados culpados de reunião ilegal para invadir a sede do Governo de Hong Kong a 26 de setembro de 2014, dois dias antes do início do movimento Occupy, que ocupou as ruas da cidade durante 79 dias.

Líder do já extinto movimento Scholarism, que juntou estudantes do ensino secundário, Joshua Wong e Alex Chow, antigo presidente da Federação de Estudantes de Hong Kong, foram considerados culpados de reunião ilegal e de terem desrespeitado, com outros estudantes, as barreiras metálicas para entrar no interior do complexo governamental.

Já Nathan Law foi considerado culpado de incitar outros a juntarem-se à ação.

O protesto, no local também conhecido pelo nome de Praça Cívica, aumentou de dimensão, culminando no lançamento do movimento de desobediência civil Occupy Central.

Dois dias mais tarde a polícia recorreu a gás lacrimogéneo para dispersar os manifestantes, o que acabou por desencadear a ocupação das ruas em várias zonas da cidade até meados de dezembro.

A sentença deverá ser conhecida a 15 de agosto. Joshua Wong pode ser condenado até cinco anos de prisão, segundo a agências de notícias AFP.

Em junho, Joshua Wong foi absolvido noutro caso, relativo a um protesto anti-China, o primeiro de uma série de processos contra o ativista a ter veredito.

No mesmo processo foram também absolvidos os ativistas Nathan Law, Raphael Wong e Albert Chan, que tinham sido acusados de obstrução à polícia.

Joshua Wong e Nathan Law integram o partido político Demosisto, fundado este ano após a extinção do Scholarism com o objetivo de apresentar candidatos às eleições para o Conselho Legislativo (LegCo) de Hong Kong, marcadas para 04 de setembro.

Lusa

  • A fuga dos PIDES
    20:08
  • Dominado incêncio no centro de tratamento de resíduos da Tratolixo
    1:55

    País

    O fogo na Tratolixo, em Trajouce, deflagrou esta segunda-feira à noite. As chamas foram controladas a meio da manhã pelos bombeiros. No local estão 133 operacionais, apoiados por 51 veículos. O fogo não fez vítimas nem danos materiais. O vento dificultou o combate às chamas.

  • Duas execuções no mesmo dia pela primeira vez em 17 anos nos EUA

    Mundo

    O estado norte-americano do Arkansas (sul) executou, na noite de segunda-feira, dois condenados à morte, o que sucede pela primeira vez em 17 anos no país, anunciou a procuradora-geral daquele estado. Jack Jones e Marcel Williams, condenados separadamente na década de 1990 à pena capital por violação e assassínio, receberam uma injeção letal depois de diferentes tribunais terem rejeitado os respetivos recursos, afirmou Leslie Rutledge, em comunicado.