sicnot

Perfil

Mundo

Quatro hospitais na Síria atingidos por bombardeamentos nas últimas 24 horas

© Bassam Khabieh / Reuters

Quatro hospitais de campanha e um banco de sangue na cidade síria de Alepo foram atingidos por bombardeamentos aéreos nas últimas 24 horas, de acordo com um grupo de médicos no local.

Um recém-nascido foi morto num desses hospitais localizados no setor leste de Alepo, controlada pelos rebeldes, informou a Associação de Médicos Independentes (IDA), que apoia centros médicos naquela cidade.

Os bairros a leste da cidade estão completamente sitiados desde 17 de julho pelas forças do Presidente Bashar al-Assad, que controlam a região oeste de Alepo, que está dividida desde 2012.

O fornecimento de oxigénio foi cortado depois do ataque, às 23:00 de sábado em Lisboa, sendo a segunda investida aérea em nove horas sobre a região, segundo a IDA.

A organização indicou ainda que os hospitais atingidos -- o hospital de crianças e os centros de Al-Bayan, Al-Zahraa e Al-Daqaq -- estão agora todos fora de serviço devido "a uma série de ataques aéreos (...) levados a cabo por aviões sírios e russos".

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a Síria é um dos países mais perigosos para os trabalhadores da área da saúde em 2015.

No último mês, vários hospitais foi destruídos e pessoal médico morto nos bairros do leste de Alepo.

Desde 2011, o conflito sírio fez mais de 280 mil mortos e forçou milhões de pessoas a fugirem do país.

Lusa

  • "A nossa lei tem demasiados buracos"
    0:44

    País

    Rui Cardoso acusa a classe política de não querer resolver os problemas da corrupção em Portugal. Entrevistado na Edição da Noite da SIC Notícias o magistrado do Ministério Público considera que ainda há um longo caminho a percorrer no combate à corrupção.

  • Salah Abdeslam deixa cadeira vazia na leitura da sua sentença
    2:05

    Mundo

    O único suspeito vivo dos ataques de Paris em 2015 foi esta segunda-feira condenado a 20 anos de prisão por um tribunal belga, num processo paralelo: um tiroteio em março de 2016, em Bruxelas. Tanto Salah Abdeslam como o cúmplice não quiseram estar na leitura da sentença. O julgamento de Salah Abdeslam pelos ataques de Paris só deverá acontecer no próximo ano, em França.

  • Beyoncé e a irmã caem e o vídeo torna-se viral

    Cultura

    Beyoncé voltou este fim de semana a subir ao palco do Coachella, depois de ter atuado na primeira semana do festival que decorreu no deserto da Califórnia, nos EUA. A cantora norte-americana voltou a brilhar, mas foi o momento em que caiu no palco com a irmã, Solange, que acabou por se tornar viral.

    SIC

  • Cientistas querem sequenciar genomas de 15 milhões de espécies

    Mundo

    Um consórcio internacional de cientistas, que por enquanto não inclui portugueses, propõe-se sequenciar, catalogar e analisar os genomas (conjuntos de informação genética) de 15 milhões de espécies, uma tarefa que levará dez anos a fazer, foi divulgado esta segunda-feira.