sicnot

Perfil

Mundo

Papa manifesta "dor e horror" e condena sequestro em França

© XXSTRINGERXX xxxxx / Reuters

O papa Francisco associou-se hoje "à dor e ao horror" e "condenou severamente" o ataque numa igreja no norte de França, indica um comunicado do Vaticano, que refere "um homicídio bárbaro".

"Fomos particularmente atingidos porque esta violência horrível ocorreu numa igreja, um lugar sagrado onde se anuncia o amor de Deus, com o homicídio bárbaro de um padre e fiéis feridos", explicou o Vaticano.

Um padre foi morto hoje e uma pessoa ficou gravemente ferida num sequestro numa igreja em Saint-Etienne-du-Rouvray, perto de Rouen, na Normandia.

O presidente francês, François Hollande, decidiu visitar imediatamente o local.

"Toda a França e todos os católicos estão magoados" perante este "ataque bárbaro", escreveu o primeiro-ministro francês, Manuel Valls, numa mensagem na rede social Twitter.

Na operação para pôr fim ao sequestro, a unidade de intervenção da polícia francesa matou os dois sequestradores que fizeram cinco reféns, indicou o porta-voz do Ministério do Interior francês.

Em comunicado, o ministério público de Paris indicou ter atribuído a investigação do caso à subdireção antiterrorista e a direção-geral de segurança interna francesas.

Lusa

  • Sequestro em França termina com raptores abatidos e um refém morto

    Mundo

    Dois homens armados com facas fizeram hoje cinco reféns numa igreja em Saint-Etienne-du-Rouvray, na região francesa da Normandia. Os sequestradores acabaram por ser abatidos pela polícia. Um dos reféns, padre, morreu e outro está gravemente ferido. O Presidente francês diz que o Daesh é o responsável pelo ataque.

  • Passos nega que resultado das autárquicas ponham em causa liderança do PSD
    7:46
  • PS e PSD trocam acusações sobre Tancos
    1:18
  • Homens vítimas de violência doméstica
    31:17
  • Marcelo mergulha na baía de Luanda
    0:45
  • Marcelo garante que relações com Angola "estão vivas"
    1:50

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa sublinhou esta segunda-feira as boas relações entre Portugal e Angola. À chegada a Luanda para a posse do novo Presidente angolano João Lourenço, o chefe de Estado português aproveitou para tomar um banho de mar.

  • Défice chegou aos 2.034 milhões em agosto
    1:51

    Economia

    O défice do Estado caiu 1.900 milhões de euros até agosto, em comparação com o ano passado. A recuperação da economia ajudou a baixar o défice, com mais receitas e impostos acima do esperado. Já a despesa pública ficou praticamente inalterada e os pagamentos do Estado em atraso subiram.

  • Morreu a egípcia que chegou a pesar 500 quilos

    Mundo

    A egípcia Eman Ahmed Abd El Aty, de 37 anos, que chegou a pesar 500 quilos, morreu num hospital de Abu Dabi, nos Emirados Árabes Unidos, devido a complicações cardíacas na sequência do seu excesso de peso.