sicnot

Perfil

Mundo

Mala com aerossóis incendia-se junto a centro de refugiados na Alemanha

Uma mala com aerossóis incendiou-se esta tarde nas imediações de um centro de refugiados na localidade de Zirndorf, na Alemanha. As primeiras informações falavam numa explosão, mas as autoridades alemãs avançaram no Twitter que se tratou apenas de um fogo e asseguraram que não há qualquer perigo.

Não há registo de feridos ou danos materiais.

A polícia afirmou que "não há indicação" de que se trate de um ataque, admitindo que uma lata de tinta explodiu dentro da mala.

Zirndorf situa-se perto de Nuremberga e a cerca de 40 quilómetros de Ansbach, a localidade onde no domingo passado morreu um refugiado sírio, aparentemente num atentado suicida, ao detonar um explosivo que levava na sua mochila, provocando 15 feridos.

A polícia informou que várias unidades se deslocaram ao local e que a zona ficou condicionada.

A acontecimento ocorreu a cerca de 200 metros de um centro de receção de pessoas à procura de asilo, que funciona no mesmo edifício que a delegação local do gabinete federal para a migração e os refugiados.

Testemunhas relataram ter visto sair do local vários homens, a correr, após se ter ouvido uma explosão, ficando a mala a arder no meio da rua.

Com Lusa

  • Passos explica porque se sentiu irritado com Costa
    0:42

    Economia

    Depois das imagens em que surgiu visivelmente irritado com António Costa, no último debate quinzenal, Passos Coelho veio agora explicar porquê. Na discussão com o primeiro-ministro, o líder do PSD não gostou que Costa tivesse insinuado que a fuga de 10 mil milhões de euros para offshores tenha ocorrido por inação do Governo anterior.

  • Ferro Rodrigues desvaloriza críticas do CDS
    3:24

    Caso CGD

    Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de receber em público Ferro Rodrigues antes de um almoço com o Presidente da Assembleia da República. O Presidente também recebeu a representante do CDS-PP, Assunção Cristas, que foi apresentar queixa de Ferro Rodrigues e da maioria de esqueda em relação à comissão de inquérito da Caixa Geral de Depósitos. Ferro Rodrigues desvalorizou as críticas de que foi alvo.

  • Regime de Pyongyang nega envolvimento na morte de Kim Jong-nam 
    1:53

    Mundo

    A polícia da Malásia diz que o irmão do líder da Coreia do Norte foi morto com uma arma química. Os investigadores encontraram vestígios de gás VX no corpo de Kim Jong-nam, um gás letal proibido pelas convenções internacionais. O Governo da Coreia do Sul pediu esta sexta-feira ao regime de Pyongyang que admita que está por detrás da morte de Kim Jong-nam mas o mesmo já veio negar o envolvimento no assassinato.