sicnot

Perfil

Mundo

Polícias envolvidos na morte de jovem negro nos EUA foram absolvidos

© Andrew Kelly / Reuters

O procurador-geral de Baltimore, nos Estados Unidos, retirou as acusações contra os três polícias envolvidos na morte de um jovem negro. Freddie Gray, um jovem afro-americano de 25 anos, morreu a 19 de abril, uma semana depois da sua detenção, na sequência de lesões na coluna vertebral.

Após a morte do jovem, a procuradora Marilyn Mosby surpreendeu a cidade de Baltimore ao apresentar as acusações contra seis polícias.

Posteriormente, o juiz do caso absolveu três dos seis oficiais.

Na semana passada, o procurador-geral não conseguiu a condenação de um dos polícias envolvidos no caso da morte do jovem negro e após a decisão de não condenação, a Polícia de Baltimore pediu ao procurador para retirar as acusações aos restantes polícias.

A morte do jovem de 25 anos foi uma de muitas mortes às mãos de polícias dos Estados Unidos da América, tornando-se num símbolo que originou um debate nacional sobre as táticas policiais e o tratamento diferenciado às minorias.

  • Curiosidades sobre o Mundial da Rússia
    3:08
  • Inocência e talento marcaram o 9.º dia de Mundial
    0:56
  • Ronaldo no País dos Sovietes: Algumas curiosidades
    1:54
  • O choro intenso de Neymar explicado pelo próprio
    0:51
  • A queda aparatosa do selecionador do Brasil
    0:05
  • Dia de limpezas em Chaves após violenta tempestade
    2:44
  • Athanasia, uma mulher sem medo das alturas
    0:35

    Mundo

    É grega, chama-se Athanasia Athineau, tem 29 anos e pertence à unidade de forças especiais da Grécia. O salto que podemos ver é de 10 mil pés, mas Athanasia faz também saltos de 30 mil. Neste caso, caíu a uma velocidade de 250 quilómetros por hora antes de abrir o pára-quedas.

  • Talheres de Hitler vendidos por 14 mil euros

    Mundo

    Um conjunto de duas facas, três colheres e três garfos de prata, que pertencia a Adolf Hitler, foi vendido em Dorset, Inglaterra, pelo valor de 12.500 libras (aproximadamente 14.200 euros). O serviço de talheres foi criado no âmbito das celebrações do 50.º aniversário do ditador nazi.

    SIC