sicnot

Perfil

Mundo

Como manter a chama acesa numa relação longa

Segundo um novo estudo, a chave para manter a chama acesa nas relações longas é responder às necessidades um do outro, fora do quarto. Um grupo de investigadores norte-americanos e israelitas descobriram que as mulheres reagem muito melhor a esta sensibilidade.

Para o estudo, cerca de cem casais mantiveram um diário durante três semanas. Para além de descreverem o desejo sexual que sentiam pelo parceiro, tinham também de analisar o quão suscetível o parceiro era. Os resultados foram publicados no Journal of Personality and Social Psychology.

Gurit Birnbaum, professor de psicologia da Universidade de Herzliya, em Israel, é o coautor do projeto. "A nossa pesquisa mostra que um casal que é sensível às necessidades um do outro, fora do quarto, é capaz de manter o seu desejo sexual."

Parceiros recetivos - que perceberem as necessidade emocionais um do outro - demonstram um melhor entendimento do parceiro e acredita-se que investem muito mais na relação.

"Quando um parceiro é realmente suscetível às necessidades do outro, a relação é muito mais especial e única. E a pessoa alvo da recetividade é vista como apreciada e desejada", o professor Birnbaum disse. "A recetividade, que é um tipo de intimidade, é muito importante numa relação, uma vez que mostra que o parceiro está mesmo interessado no bem-estar do outro. Mas de uma forma aberta e informada sobre o que o outro realmente quer."

"O desejo sexual prospera na intimidade criada pelo casal e, ser recetivo é uma das melhores maneiras de manter a chama acesa com o passar do tempo."

  • Corpos de portuguesas trasladados segunda-feira 
    1:27
  • Incendiários vão passar o verão com pulseira eletrónica

    País

    Os tribunais vão poder condenar os incendiários a penas de prisão domiciliária, com pulseira eletrónica, durante as épocas de incêndio. A nova lei foi aprovada na semana passada, na Assembleia da República, e aguarda a promulgação do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

  • Estado vai tomar posse de terras abandonadas

    País

    O Governo vai recorrer ao Código Civil para permitir que o Estado tome posse de terras ao abandono. À margem da entrevista ao Expresso, o primeiro-ministro anunciou que o Governo irá acionar o artigo 1345º do Código Civil, que estabelece que as coisas imóveis sem dono conhecido se consideram do património do Estado.

  • "Trump, deixe-me ajudá-lo a escrever o discurso"
    0:47

    Mundo

    Arnold Schwarzenegger diz que Donald Trump tem o dever moral de se opor ao ódio e ao racismo. Num vídeo publicado nas redes sociais, o ator norte-americano e antigo governador da Califórnia encenou o discurso que Donald Trump devia ter. 

  • Hino da SIC tocado pela viola beiroa
    2:22