sicnot

Perfil

Mundo

Polícia brasileira prende outro suspeito de ligações a grupos terroristas

© Edgard Garrido / Reuters

Um homem brasileiro de 28 anos foi preso pela Polícia Federal do Brasil por suspeita de ligações com grupos terroristas, noticiou hoje a imprensa local.

Segundo as mesmas fontes, a detenção aconteceu na tarde de quarta-feira, na cidade de Nova Iguaçu, que fica próximo do Rio de Janeiro, onde suspeito ainda permanece.

O homem terá sido preso por causa de uma publicação no Facebook em que registou que "assistiu dolorosamente à queda de uma mesquita por terrorismo".

Contactada pela Lusa, a Polícia Federal brasileira disse que ainda não tem informações oficiais sobre o caso.

Descendente de libaneses, o detido é brasileiro e trabalha na área do comércio.

O jornal O Globo falou com o advogado do suspeito, que informou que o acusado é muçulmano e já morou no Líbano com familiares. O advogado negou o envolvimento do suspeito com terroristas.

Em 2014, Chaer Kalaoun já havia sido detido no país por posse ilegal de arma.

A prisão acontece dias depois de outra operação da polícia brasileira, que levou à detenção de 12 suspeitos de planearem ataques terroristas durante os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, que se realizam entre 5 e 21 de agosto.

Lusa

  • Luís Pina indiciado por quatro crimes de tentativa de homicídio
    2:24
  • Ministro "mais descansado" com relatório sobre Almaraz, ambientalistas contestam
    2:01

    País

    O ministro do Ambiente diz estar mais descansado depois de conhecer o relatório técnico que considera o armazém de resíduos nucleares em Almaraz uma solução adequada. Já as associações ambientalistas e os partidos criticam o parecer positivo à construção e querem ouvir os ministros do Ambiente e dos Negócios Estrangeiros no Parlamento.

  • Marcelo recebido por multidão na Ovibeja
    2:52
  • Líderes europeus unidos para iniciar saída do Reino Unido
    2:08
  • 100 dias de Trump em 04'30''
    4:33

    Pequenas grandes histórias

    Donald Trump tomou posse como 45º Presidente dos EUA dia 20 de janeiro de 2017, faz este sábado, 100 dias. Prometeu grandes mudanças, mas os planos acabaram por chocar de frente com a realidade e a burocracia de Washington, como foi o caso do Obamacare. Foi a primeira ordem executiva que assinou, no dia em que tomou posse, mas a revogação está longe de acontecer.