sicnot

Perfil

Mundo

Detido líder religioso afegão por raptar e desposar menina de seis anos

Um "mullah" (líder religioso) afegão foi detido por ter raptado e desposado uma menina com seis anos, informaram os dirigentes provinciais de uma região remota do Afeganistão, marcada por numerosos abusos contra as mulheres.

Mohammad Karim, com 60 anos, foi detido "há dois dias" na província de Ghor, no cento do país, apesar de garantir que a criança lhe tinha sido oferecida pelos pais como uma "oferta religiosa", indicaram aqueles responsáveis à AFP.

Mas, segundo o gabinete do governador, citando a família, a menina tinha sido raptada na província de Herat, fronteiriça com o Irão, há várias semanas, durante o Ramadão.

A vítima foi colocada num abrigo para mulheres e os seus pais estão em trânsito para a província, avançou a responsável para os assuntos femininos de Ghor, Masoom Anwari, que acrescenta que ela está em estado de choque.

"A menina não fala e só repete uma coisa: 'Tenho medo do homem'", detalhou.

A idade legal para o casamento no Afeganistão é de 16 anos para as raparigas e 18 para os rapazes.

Este novo caso de casamento precoce ocorre duas semanas depois da morte dolorosa de uma adolescente de 14 anos, casada desde os 12, também na província de Ghor.

Zahra, morta devido a queimaduras profundas, depois de dois anos de tormentos e maus tratos, tinha sido dada a uma família em troca de uma nova esposa para o seu pai.

O pai de Zahra tinha assim casado com a irmã do marido da sua filha.

A Comissão Independente dos Direitos Humanos no Afeganistão, em 2015, registou 235 casamentos precoces, metade dos quais envolvendo meninas com entre 11 e 15 anos, mas em 7% dos casos as idades situavam-se entre os sete e os 10 anos.

Uma outra prática afegã, o 'baad', consiste em oferecer uma menina para regular um diferendo entre famílias.

Lusa

  • Não há risco de colapso do viaduto de Alcântara
    1:35

    País

    O desvio de um pilar do viaduto de Alcântara obrigou esta quarta-feira ao corte do trânsito e da circulação de comboios da linha de Cascais. O estrago terá sido provocado por um camião que embateu na estrutura. A circulação ferroviária foi retomada a meio da manhã, mas o viaduto só será reaberto esta quinta-feira.

  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Romeu e Julieta nasceram no mesmo dia e no mesmo hospital

    Mundo

    Na Carolina do Sul, nos EUA, dois bebés tinham o parto marcado para 26 de março mas decidiram nascer mais cedo: exatamente no mesmo dia, apenas com uma diferença de 18 horas. Os pais não se conheciam e, curiosamente, deram o nome aos recém nascidos de Romeo e Juliet (em português, Romeu e Julieta).

  • Gelo nos polos recua para recordes mínimos

    Mundo

    A extensão de gelo polar dos oceanos Ártico e Antártico atingiu recordes mínimos a 13 de fevereiro, perdendo o equivalente a uma área maior do que o México, informou esta quarta-feira a agência espacial norte-americana NASA.

  • Túmulo de Jesus Cristo restaurado

    Mundo

    Após 10 meses de obras de restauro, o túmulo onde Jesus Cristo terá sido sepultado foi esta quarta-feira revelado numa cerimónia na igreja do Santo Sepulcro, em Jerusalém.