sicnot

Perfil

Mundo

Papa aceita renúncia de bispo irlandês referenciado por encobrimento de pedofilia

© Kacper Pempel / Reuters

O papa aceitou a renúncia do bispo Martin Drennan, da diocese de Galway e Kilmacduagh, referenciado num relatório de 2009 sobre encobrimento de casos de pedofilia na Igreja da República da Irlanda, indicou hoje o Vaticano.

O Vaticano esclareceu, no mesmo comunicado, que o papa Francisco aceitou a renúncia de Drennan, devido ao artigo 401.2 do código de direito canónico, que estabelece que um bispo deve renunciar "por doença ou causa grave".

O artigo estabelece que um bispo diocesano "apresente a renúncia se por doença ou outra causa grave fique comprometida a capacidade para desempenhar as funções".

Drennan, que nasceu em Piltown, em 1944, foi um dos bispos referenciados em 2009 naquele que ficou conhecido como "Relatório Murphy".

Este relatório aborda casos de abusos sexuais de menores e detalha os mecanismos da Igreja católica para os ocultar, com a conivência do Estado irlandês.

O bispo, atualmente com 72 anos, manteve-se em funções, defendendo que o relatório não o visou diretamente.

Francisco, que se encontra em viagem pastoral à Polónia, aceitou a renúncia de Seamus Freeman, bispo de Ossory, na Irlanda, em conformidade com o mesmo artigo do código do Vaticano.

O papa nomeou Fintan Monahan (Offaly, 1967) bispo da diocese irlandesa de Killaloe. Licenciado em Teologia, diplomado em Educação Superior, Monahan ocupava até aqui o cargo de secretário diocesano.


Lusa

  • Primeiro-ministro holandês liga a Costa para explicar palavras de Dijsselbloem
    2:23

    País

    António Costa pediu que Djisselbloem desaparecesse da Presidência do Eurogrupo. Após esta tomada de posição, o primeiro-ministro holandês ligou para Costa na semana passada a dar explicações. Contudo, o primeiro-ministro português não recua e volta a dizer que Dijsselbloem não tem condições para continuar, na sequência das declarações sobre copos e mulheres. Os eurodeputados do Partido Popular Europeu reforçaram também esta terça-feira o pedido de demissão.

  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45

    País

    Há um surto de hepatite A em Portugal. Desde janeiro, 105 pessoas foram diagnosticadas na região de Lisboa e Vale do Tejo, um número superior aos casos contabilizados em todo o país nos últimos 40 anos. O surto terá começado na Holanda e está a atingir quase toda a Europa. A Direção-Geral de Saúde vai divulgar ainda esta terça-feira as normas de orientação clínica para que os médicos possam lidar da melhor maneira com este surto.

  • Abertura da lagoa de Santo André atrai surfistas e bodyboarders
    4:15
  • Kennedy acreditava que Hitler estava vivo

    Mundo

    Um diário de John F. Kennedy vai a leilão em Boston, nos Estados Unidos da América. O diário foi escrito durante a sua breve carreira como jornalista, depois da 2.ª Guerra Mundial. No livro, foram expostas algumas teorias do antigo Presidente norte-americano, como a possibilidade de Hitler estar vivo.

    Ana Rute Carvalho

  • Incêndio num estádio em Xangai destrói parte da bancada

    Mundo

    O Estádio Hongkou da equipa chinesa Shanghai Shenhua foi atingido esta terça-feira por um incêndio que acabou por danificar parte da bancada e algumas salas no interior da infraestrutura. Para o local, foi enviada uma equipa de bombeiros que conseguiu controlar as chamas.