sicnot

Perfil

Mundo

Erdogan quer serviço de informações e forças armadas sob o seu controlo

O chefe de Estado turco declarou que vai propôr ao parlamento que os serviços de informações e os chefes do Estados-maiores passem a estar sob o controlo direto da Presidência do país.

"Vamos apresentar uma pequena reforma constitucional (ao parlamento) que, caso seja aprovada, colocará o serviço de informações turco (MIT) e os chefes dos Estados-maiores (das forças armadas) sob controlo da Presidência", declarou Recep Tayyip Erdogan à cadeia de televisão turca A-Haber.

Duas semanas depois de uma tentativa de golpe de Estado, Erdogan anunciou a intenção de fechar todas as escolas militares e de as substituir por uma universidade nacional para formar as forças armadas.

Estas declarações surgem depois de Ancara ter procedido esta semana a uma importante remodelação das forças armadas, com perto de metade dos generais (149) a serem demitidos dos cargos, na sequência da tentativa de golpe de Estado de 15 de julho.

Uma pequena parte das forças armadas, incluindo altas patentes, tomaram blindados, caças e helicópteros para derrubar o governo islamita-conservador de Erdogan.

Lusa

  • Desde 2005 morreram 72 bombeiros mas ninguém sabe quantos ficaram feridos
    2:02

    Reportagem Especial

    "Vidas de Fogo" é a Reportagem Especial desta noite, sobre os bombeiros feridos em combate a incêndios florestais. Este ano, durante o período mais crítico dos fogos, vão estar no terreno quase 10.000 operacionais. Grande parte são bombeiros voluntários. Vamos contar cinco casos de bombeiros feridos em combate e tentar saber como se recupera de um acidente, como se vive depois de queimado e como se lida com a morte de colegas durante um fogo.

    Hoje no Jornal da Noite

  • Líder do Daesh abatido durante fuga

    Daesh

    Um líder do Daesh e o assistente foram abatidos pela polícia iraquiana, em Mossul. A notícia é avançada pela agência EFE que esclarece que os dois homens terão sido mortos enquanto fugiam do Oeste para Este da cidade iraquiana através do rio Tigre.