sicnot

Perfil

Mundo

Pelo menos 28 civis morreram em bombardeamentos na cidade de Alepo

Pelo menos 28 civis morreram nas últimas 24 horas na cidade de Alepo, Síria, na consequência de bombardeamentos feitos por grupos rebeldes sírios, disse o responsável pelo Observatório dos Direitos Humanos.

Segundo Rami Abdel Rahman, no ataque, a bairros controlados pelo Governo, morreram "seis crianças e oito mulheres" e dezenas de pessoas ficaram feridas.

Antiga potência económica da Síria, a cidade de Alepo está dividida desde meados de 2012 entre uma parte controlada pelo Governo e outra pelos rebeldes sírios.

Nas últimas semanas, as forças governamentais intensificaram a sua presença a leste, provocando receio de uma crise humanitária para os cerca de 250 mil pessoas.

Mais de 280 mil pessoas morreram desde o início do conflito na Síria, que teve início em março de 2011.

O conflito teve início com protestos antigovernamentais, que se transformaram numa guerra civil.

Lusa

  • BE acusa direita de bloquear atual comissão à CGD
    1:37

    Caso CGD

    O Bloco de Esquerda acusa a oposição de estar a fazer tudo para impedir as conclusões da comissão de inquérito sobre a Caixa Geral de Depósitos que está em curso. Numa altura em que PSD e CDS já entregaram o requerimento para avançar com uma segunda comissão, Catarina Martins defende que ainda há muita coisa por apurar sobre o processo de recapitalização do banco público.

  • Visita de Costa a Angola pode estar em risco
    2:26

    País

    A visita de António Costa a Luanda poderá estar em risco devido à acusação da justiça portuguesa contra o vice-Presidente de Angola. O jornal Expresso avança que o comunicado com a reação dura do Governo angolano é apenas o primeiro passo e que pode até estar a ser preparado um conjunto de medidas contra Portugal. Para já, o primeiro-ministro português desvaloriza a ameaça e mantém a visita marcada para a primavera.