sicnot

Perfil

Mundo

Antigo responsável sérvio da Bósnia libertado antecipadamente

​O Tribunal Penal Internacional para a ex-Jugoslávia (TPIJ) autorizou a libertação antecipada de um antigo responsável policial sérvio da Bósnia, condenado a 17 anos de prisão em 2010 pelo seu envolvimento no massacre de Srebrenica, anunciou hoje o tribunal.

"Acordo no pedido de libertação antecipada de (Ljubomir) Borovcanin, efetiva a partir de 01 de agosto de 2016", declarou o juiz Theodor Meron ao confirmar a deliberação.

Em junho de 2010 a instância judicial ad hoc da ONU considerou sete homens por envolvimento na execução de cerca de 7.800 homens e rapazes muçulmanos no enclave de Srebrenica, leste da Bósnia-Herzegovina, em julho de 1995.

Este massacre, o mais grave na Europa desde a Segunda Guerra mundial, foi cometido por tropas sérvias bósnias a poucos meses do final da guerra civil (1992-1995).

Reconhecidos culpados de genocídio, crimes de guerra e crimes contra a humanidade, dois antigos responsáveis militares sérvios da Bósnia, o ex-tenente-coronel Vujadin Popovic, e o antigo coronel Ljubisa Beara, foram condenados a prisão perpétua.

Ljubomir Borovcanin estava incluído entre os cinco outros acusados, incluindo quatro ex-responsáveis militares, condenados a penas entre os cinco e os 35 anos de prisão efetiva.

Em setembro de 2009, mais de três anos após o início deste megaprocesso, a acusação pediu prisão perpétua contra todos os acusados.

Preso em abril de 2005, Borovcanin, 56 anos, estava detido na Dinamarca, para onde foi transferido em 10 de novembro de 2011 e onde cumpriu o resto da pena.

Lusa

  • Sporting quase nos oitavos da Liga Europa

    Desporto

    O Sporting procura hoje alcançar o apuramento para os oitavos de final da Liga Europa de futebol, na receção aos cazaques do Astana, em contraponto com o Sporting de Braga, que enfrenta uma árdua tarefa frente ao Marselha. O jogo Sporting-Astana tem transmissão em direto na SIC, online e mobile às 18:00.

    Aqui às 18:00

  • Dia de homenagens e muito futebol para Marcelo em São Tomé
    3:01

    País

    No segundo dia da visita de Estado a São Tomé e Príncipe, o Presidente da República prestou homenagem às vítimas do massacre de Batepá, em 1953. Marcelo Rebelo de Sousa não pediu desculpa pela história, mas lembrou que é preciso assumir as coisas menos boas do passado. O dia terminou com o Presidente a mostrar que ainda está em forma.

    Enviados SIC

  • Hospital abandonado com equipamentos dentro em Vila Franca de Xira 
    4:41

    País

    O antigo Hospital de Vila Franca de Xira, encerrado há quase cinco anos, está ao abandono ainda com parte do material de saúde, como máquinas, camas, cadeiras ou macas. A SIC teve acesso a várias imagens que mostram o estado em que os equipamentos se encontram, bem como sinais de vandalismo e de assaltos.

  • Patinadora enfrenta "pesadelo" nos Olímpicos

    Desporto

    A patinadora Gabriella Papadakis enfrentou na segunda-feira um dos "piores pesadelos" da sua vida, durante a estreia nos Jogos Olímpicos de Inverno, em Pyeongchang, na Coreia do Sul. Durante a apresentação, a parte de cima do vestido da francesa saiu do lugar e revelou parte do seu seio. Mas este não foi o único caso de incidentes com figurinos. Também a sul-coreana Yura Min quase ficou despida durante a sua apresentação.

    SIC

  • Casal mantinha filhos trancados sem comida

    Mundo

    Se pensava que só existia uma casa dos horrores, a da família Turpin, desengane-se. A polícia de Tucson, no estado norte-americano do Arizona, deteve na terça-feira um casal que mantinha os quatro filhos adotivos trancados em quartos separados.

    SIC