sicnot

Perfil

Mundo

Ciudadanos confirmam abstenção para se formar Governo em Espanha

Francisco Seco - AP

​O líder do partido espanhol Ciudadanos, Albert Rivera, manifestou hoje ao presidente do governo espanhol, Mariano Rajoy, a sua "preocupação" pelo impasse político no país, mas confirmou que irá abster-se para permitir a formação de um novo executivo.

"Não é bom que os dois partidos que governaram Espanha nos últimos 40 anos estejam de costas voltadas", disse Albert Rivera depois de uma reunião com o líder do Partido Popular (PP) e presidente em funções do Governo, Mariano Rajoy.

Albert Rivera voltou a afirmar que o Ciudadanos irá abster-se se isso for necessário para deixar passar um novo Governo liderado por Mariano Rajoy, mas os deputados que tem no Congresso de Deputados não são suficientes se todos os outros partidos votarem contra esse executivo.

Na terça-feira, o secretário-geral do Partido Socialista espanhol, Pedro Sánchez, recusou a proposta de criação de uma "grande coligação" feita pelo líder do PP e que incluiria também o Ciudadanos.

Por seu lado, Mariano Rajoy avisou Pedro Sánchez que se este continuar a recusar deixar passar a sua investidura haverá eleições pela terceira vez em Espanha.

O PP foi o partido mais votado nas eleições de 26 de junho, elegendo 137 deputados num total de 350, mas precisa que o PSOE e o Ciudadanos se abstenham na votação de investidura para poder formar um governo minoritário.

O PSOE ficou em segundo lugar, conquistando 85 lugares, enquanto a aliança de esquerda Unidos-Podemos ficou em terceiro, com 71 deputados. A quarta formação mais votada foi o Ciudadanos, que alcançou 32 assentos parlamentares.

Lusa

  • Passos explica porque se irritou com Costa
    0:42

    Economia

    Depois das imagens em que surgiu visivelmente irritado com António Costa, no último debate quinzenal, Passos Coelho veio agora explicar porquê. Na discussão com o primeiro-ministro, o líder do PSD não gostou que Costa tivesse insinuado que a fuga de 10 mil milhões de euros para offshores tenha ocorrido por inação do Governo anterior.

  • Ferro Rodrigues desvaloriza críticas do CDS
    3:24

    Caso CGD

    Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de receber em público Ferro Rodrigues antes de um almoço com o presidente da Assembleia da República. O Presidente também recebeu a representante do CDS-PP, Assunção Cristas, que foi apresentar queixa de Ferro Rodrigues e da maioria de esqueda em relação à comissão de inquérito da Caixa Geral de Depósitos. Ferro Rodrigues desvalorizou as críticas.

  • Luaty Beirão agredido em manifestação em Luanda
    1:27

    Mundo

    Luanda tem sido palco de várias manifestações contra a forma como está a decorrer o processo eleitoral em Angola. Esta sexta-feira, uma dessas manifestações acabou em confrontos com as autoridades. Entre os manifestantes estava o ativista Luaty Beirão.

  • Regime de Pyongyang nega envolvimento na morte de Kim Jong-nam 
    1:53

    Mundo

    A polícia da Malásia diz que o irmão do líder da Coreia do Norte foi morto com uma arma química. Os investigadores encontraram vestígios de gás VX no corpo de Kim Jong-nam, um gás letal proibido pelas convenções internacionais. O Governo da Coreia do Sul pediu esta sexta-feira ao regime de Pyongyang que admita que está por detrás da morte de Kim Jong-nam mas o mesmo já veio negar o envolvimento no assassinato.