sicnot

Perfil

Mundo

Supremo tribunal do Delaware declara inconstitucional lei da pena de morte

Arquivo

© Jorge Silva / Reuters

O Supremo Tribunal do Delaware, nos Estados Unidos da América, declarou esta terça-feira inconstitucional a pena de morte naquele estado por deixar aos juízes e não aos jurados a decisão final sobre a condenação.

A decisão deixa o futuro da pena capital no Delaware nas mãos de uma dividida Assembleia Geral do estado, que recentemente debateu e esteve perto de abolir esta pena.

Delaware, juntamente com a Florida e Alabama, eram os únicos estados dos Estados Unidos em que um juiz podia emitir uma condenação à morte sem ter em conta a recomendação do júri.

O Supremo Tribunal dos Estados Unidos da América já tinha em janeiro declarado inconstitucional a lei da Florida. Neste estado, os deputados aprovaram uma nova lei que substituiu a anterior.

Desde que o Supremo Tribunal dos Estados Unidos da América reintroduziu a pena de morte, em 1976, Delaware executou 16 presos, o último dos quais em 2012.

Lusa

  • "É evidente que não fecho a porta ao Eurogrupo"
    1:38

    Economia

    O ministro das Finanças diz que não fecha a porta ao Eurogrupo. A declaração é feita numa entrevista ao semanário Expresso. No entanto, Mário Centeno deixa a ressalva que qualquer ministro das Finanças do Eurogrupo pode ser presidente.

  • Itália tenta colocar migrações na agenda do G7 contra vontade dos EUA
    1:45
  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14
  • Portugal pode ser atingido por longos períodos de seca

    País

    Portugal e Espanha podem ser atingidos até 2100 por 'megasecas', períodos de seca de dez ou mais anos, segundo os piores cenários traçados num estudo da universidade britânica Newcastle, que tem a participação de uma investigadora portuguesa.