sicnot

Perfil

Mundo

Ucrânia vai construir fábrica de combustível nuclear com a Westinghouse

© Benoit Tessier / Reuters

A Ucrânia vai construir uma fábrica de produção de combustível nuclear com o grupo norte-americano Westinghouse para reduzir a dependência energética do país face à Rússia, anunciou em Kiev o ministro da Energia.

"Chegámos a acordo sobre a construção de uma fábrica de combustível nuclear em território ucraniano", disse o ministro Igor Nassalik durante uma conferência de imprensa, sem fornecer mais pormenores.

No entanto, acrescentou um outro acordo com o grupo norte-americano, filial do conglomerado japonês Toshiba, relativo a entregas suplementares de combustível nuclear para as centrais ucranianas.

A Ucrânia, ex-república soviética, permanece dependente da Rússia em termos energéticos, e quando as relações entre os dois países atingiram uma situação crítica na sequência da anexação da Crimeia por Moscovo em março de 2014, seguido do conflito armado no leste separatista pró-russo, que provocou mais de 9.500 mortos e milhares de feridos e desalojados em cerca de dois anos.

Nassalik recordou que a Rússia fornece atualmente cerca de 95% do combustível nuclear para as centrais ucranianas.

Por sua vez, a Westinghouse está presente no mercado ucraniano há vários anos. Em 2014, Kiev e o grupo norte-americano anunciou o prolongamento do acordo de cooperação até 2020.

Em junho, um destacado diplomata russo, Mikhaïl Oulianov, referiu recear "incidentes", ao considerar que o combustível da Westinghouse está inadaptado ao funcionamento as centrais ucranianas de conceção soviética.

Lusa

  • Detido dono do cão que feriu criança com gravidade

    País

    O dono do cão de raça Rottweiler que esta terça-feira feriu com gravidade uma criança de quatro anos em Matosinhos foi detido pela PSP e o animal já foi recolhido no canil municipal, informou fonte oficial da autarquia.

  • A fuga dos PIDES
    20:08
  • Desconhecem-se as causas do incêndio na fábrica da Tratolixo
    0:43

    País

    Os moradores de Trajouce, em São Domingos de Rana, não ganharam para o susto com um incêndio nas instalações da empresa de resíduos Tratolixo.O alerta foi dado por populares e trabalhadores da empresa. O vento foi o maior problema dos bombeiros no combate às chamas durante a noite. No local estiveram 133 homens, apoiados por 51 viaturas.Desconhecem-se para já as causas do incêndio. O incêndio foi circunscrito de madrugada, mas pode demorar algumas horas a ser dominado.

  • Duas execução no mesmo dia pela primeira vez em 17 anos nos EUA

    Mundo

    O estado norte-americano do Arkansas (sul) executou, na noite de segunda-feira, dois condenados à morte, o que sucede pela primeira vez em 17 anos no país, anunciou a procuradora-geral daquele estado. Jack Jones e Marcel Williams, condenados separadamente na década de 1990 à pena capital por violação e assassínio, receberam uma injeção letal depois de diferentes tribunais terem rejeitado os respetivos recursos, afirmou Leslie Rutledge, em comunicado.